Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
27°
cotação atual R$

Notícias / Notícias Pará

FICA EM CASA

Pará permanece no 3º lugar do ranking de isolamento social

quinta-feira, 14/05/2020, 15:03 - Atualizado em 14/05/2020, 14:03 - Autor: Agência Pará


Maracajá (69,7%), Val-de-Cães (67,4%) e Tenoné (66,7%) registram o maior índice de pessoas em casa.
Maracajá (69,7%), Val-de-Cães (67,4%) e Tenoné (66,7%) registram o maior índice de pessoas em casa. | Alex Ribeiro/Agência Pará

O Pará permaneceu em terceiro lugar no ranking brasileiro de isolamento social nesta quarta-feira (13), em que o índice no Estado foi de 49,53%, ficando atrás de Ceará (50,89%) e Amapá (50,87%). Todas as unidades da federação estão muito abaixo do recomendado pela Organização Mundial de Saúde (OMS), que indica o mínimo de 70% de isolamento para que possa reduzir o número de casos de pessoas infectadas pelo novo coronavírus. Já a capital paraense, atingiu a taxa de 54% de isolamento na quarta-feira (13). Os dados foram divulgados pela Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Pará (Segup), por meio da Secretaria Adjunta de Inteligência e Análise Criminal (Siac).

O titular da Segup, Ualame Machado, ressalta que apesar da boa colocação é preciso melhorar a taxa de adesão ao isolamento social.

“Reconhecemos o empenho da nossa população, sendo que os três primeiros Estados sempre são as federações que também estão com o decreto de lockdown, no caso o Ceará e o Amapá, mas nós precisamos melhorar ainda mais, tendo em vista que chegamos próximo aos 50% em que pesa as cidades com isolamento social, com lockdown atinge um patamar elevado acima de 50%. Embora os índices das cidades que estão com isolamento social tenha sido um pouco acima, estamos muito aquém do recomendado para vencermos a batalha contra o coronavírus”, disse.

Penalidades

De 00h01 às 23h59 desta quarta-feira, 347 multas foram aplicadas por desobediência ao 'lockdown', todas pessoas físicas. Belém registrou o maior número de ocorrências, totalizando 119 multas. Na Região Metropolitana, incluindo os distritos, os bairros com mais penalidades foram: Coqueiro (24), Marambaia (21) e Centro de Ananindeua (17). A quarta-feira foi o quarto dia de autuação, após três dias de trabalho educativo. A previsão é que a suspensão total de atividades não essenciais, com restrição de circulação de pessoas, ocorra até o dia 17 de maio.

De domingo (10), até essa quarta-feira, 754 multas já foram aplicadas para quem foi identificado circulando em vias públicas sem necessidade comprovada.

Municípios

De acordo com o levantamento, ao analisar as cidades paraenses, os três melhores índices de isolamento, na quarta-feira (13), foram nos municípios de Portel (65,2%), Bannach (63,6%) e Santa Cruz do Arari (60,7%). Já os piores índices foram registrados em Palestina do Pará (29,8%), Oriximiná (33,7%) e Jacundá (34,9%).

Belém e Ananindeua

Em Belém, incluindo os distritos, os bairros com as maiores taxas de pessoas em casa foram: Maracajá (69,7%), Val-de-Cães (67,4%) e Tenoné (66,7%). Já onde as pessoas desobedeceram a recomendação de ficar em casa, registrando um baixo índice de isolamento, foram: Paracuri (22,7%), Parque Guajará (29,5%) e Brasília (31,7%).

Ex-presidente da CBDA, paraense Coaracy Nunes morre aos 82 anos de Covid-19

Em Ananindeua, os melhores índices foram registrados nos bairros Águas Brancas (60,9%), Guanabara (60,5%) e Cidade Nova VI (59%). Já os piores índices foram observados nos bairros Heliolândia (41,3%), Geraldo Palmeira (43%) e Águas Lindas (44%).

Nas 10 cidades onde ocorre o 'lockdown' os índices foram: Belém (54%), Ananindeua (52%), Marituba (48,5%), Benevides (47,8%), Santa Bárbara (47,9%), Santa Izabel (47,7%), Castanhal (50,6%), Santo Antônio do Tauá (53,9%), Breves (60,3%) e Vigia (52,2%).

Serviço

A porcentagem de isolamento dos 144 municípios paraenses e o monitoramento completo estão disponíveis em um espaço exclusivo sobre os índices no site da Segup.

Cidades que estão em lockdown registram índices maiores de pessoas em casa
Cidades que estão em lockdown registram índices maiores de pessoas em casa Marcelo Seabra/Agência Pará
 


Índices de isolamento por bairro em Belém na quarta-feira (13):

Melhores: Maracajá (69,7%), Val-de-Cães (67,4%) e Tenoné (66,7%).

Piores: Paracuri (22,7%), Parque Guajará (29,5%) e Brasília (31,7%).

Índices de isolamento por bairro em Ananindeua no quarta-feira (13):

Melhores: Águas Brancas (60,9%), Guanabara (60,5%) e Cidade Nova VI (59%).

Piores: Heliolândia (41,3%), Geraldo palmeira (43%) e Águas Lindas (44%).

Confira o índice de isolamento social nos 10 municípios onde está ocorrendo o 'lockdown':

Belém (54%)

Ananindeua (52%)

Marituba (48,5%)

Benevides (47,8%)

Santa Bárbara (47,9%)

Santa Izabel (47,7%)

Castanhal (50,6%)

Santo Antônio do Tauá (53,9%)

Breves (60,3%)

 Vigia (52,2%)

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS