Diário Online

Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
24°
cotação atual R$
PANDEMIA

Covid-19: transmissão cai e pandemia desacelera no Brasil

Pela primeira vez em quase cinco meses, o Brasil conseguiu reduzir a taxa de contágio da Covid-19

terça-feira, 27/04/2021, 16:32 - Atualizado em 27/04/2021, 16:31 - Autor: Com informações do portal MSN


Análise feita por instituição de pesquisa do Reino Unido mostra Brasil em desaceleração na pandemia
Análise feita por instituição de pesquisa do Reino Unido mostra Brasil em desaceleração na pandemia | Reprodução

Pela primeira vez em quase cinco meses, o Brasil conseguiu reduzir a taxa de contágio da Covid-19 para um nível considerado de controle da pandemia.

De acordo com os dados da Universidade Imperial College de Londres, no Reino Unido, a taxa de contágio do Brasil, nesta semana,, está em 0,93, portanto, em desaceleração. Dentro da margem de erro, essa taxa pode variar entre 0,80 e 0,95, mas sempre abaixo de 1.

Vídeo: equipe de vacinação grava dancinha do piseiro

Para a pandemia ser considerada controlada, a taxa de transmissão precisa estar abaixo de 1. O índice, também chamado de Rt, indica para quantas pessoas cada infectado transmite o vírus. A taxa calculada nesta semana indica que cada 100 pessoas contaminadas transmitem a Covid-19 para outras 93, em uma progressão decrescente.

Desde o último mês de dezembro, o índice oscilava semanalmente, mas sempre acima de 1. Na semana passada, o Brasil havia conseguido reduzir a taxa para 1,06, o que já representou uma leve redução ante os 1,12 registrados na semana anterior.

Agentes de segurança se vacinam no interior do Pará

A taxa brasileira é menor que a de outros países como Índia, que tem a maior taxa de transmissão do ranking (1.69), Argentina (1.28), Japão (1.27), Dinamarca (1.26), Canadá (1.12),  Alemanha (1.04), França (1.0), Estados Unidos (0.99) e Reino Unido (0.97). Por outro lado, é superior a dos Emirados Árabes (0.92), Itália (0.89), Portugal (0.68), Suíça (0.65), Espanha (0.60) e igual à do Chile (0.93). A análise contém dados de 71 países com transmissão ativa da doença.

Ribeirinhos de Cotijuba e arredores terão 2ª dose da vacina

O Imperial College também estimas quantos óbitos serão registrados pela doença na semana. A previsão para esta semana é de 16.800 mortes pela Covid-19, uma redução de cerca de 5% em relação à semana anterior.

Os dados da Imperial College reforçam a tendência de queda nas curvas da pandemia no Brasil. No último sábado (23), o país apresentou queda real na média móvel de mortes em relação às últimas duas semanas. Isso também não acontecia desde novembro do ano passado. 

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS