Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
24°
cotação atual R$

Esporte / Esporte Pará

FOCO TOTAL

Confira todas as projeções para o acesso do Remo à Série B

Ter a cabeça no lugar é pré-requisito para disputar um Re-Pa que vale o acesso à Série B. E os jogadores azulinos sabem muito bem disso

quarta-feira, 06/01/2021, 09:47 - Atualizado em 06/01/2021, 10:58 - Autor: Matheus MIranda


Para Lucas Siqueira, o time está no caminho certo para conquistar o acesso
Para Lucas Siqueira, o time está no caminho certo para conquistar o acesso | Samara Miranda/Remo

Dos males, a derrota azulina no final de semana passado (3), para o Ypiranga-RS, por 2 a 1, pela quarta rodada da Série C, não foi o pior. Mesmo com o embaraço na tabela e possibilidades para o acesso à Série B de todos os quatro times do grupo D, o Leão Azul vai para a disputa do clássico Re-Pa deste domingo (10) na liderança da chave, com sete pontos e com a chance de ratificar o seu retorno à Série B do Campeonato Brasileiro. Não à toa, o encontro entre os gigantes da região fortalece o clima de final de campeonato, já que o mesmo sucesso vale para o arquirrival, em caso de triunfo.

Dessa maneira, cada jogador tem demonstrado discernimento sobre o peso deste embate, que, para o Clube do Remo, pode garantir o grande sonho da agremiação dos últimos anos. “É um clássico que representa muito, pela decisão que é. Pode nos dar o acesso em caso de uma vitória. É uma responsabilidade muito grande, mas a gente tem que estar mentalmente preparado, forte. É um jogo decisivo”, destaca o volante Lucas Siqueira. “Quem estiver mentalmente mais preparado, pode vencer e conquistar o acesso”, acredita o jogador.

Ciente da representatividade do embate, Siqueira ainda abriu o leque de cenários, em caso de um resultado aquém do esperado. “Pode sacramentar o nosso acesso, mas pode ser que não defina nada e nós vamos decidir contra o Londrina. É um clássico que pode decidir, mas que não acaba o campeonato. Vamos depender das nossas forças”, comentou.

Com a primeira derrota nesta fase no último domingo, Lucas Siqueira comentou sobre o que precisa ser mudado já para este Re-Pa, com base nas lições aprendidas diante do Ypiranga-RS. “Foi um jogo muito aberto. Sabíamos que iria ser muito complicado. (Tomamos) um gol de bola parada. É uma lição que levamos, ter uma melhor atitude na bola parada defensiva”, opina. “A gente está fazendo bons jogos, estamos no caminho certo para conquistar o acesso”, pontua.

CONFIRA AS PROJEÇÕES PARA O ACESSO DO LEÃO AZUL

O fim da quarta rodada do quadrangular decisivo desta Série C do Brasileiro, com a derrota do Remo para o Ypiranga por 2 a 1, domingo, e o empate em 0 a 0 entre Paysandu e Londrina, na segunda-feira (4) à noite, deixou os torcedores do Leão Azul com a calculadora na mão, fazendo as contas para o acesso. Apesar do drama, o Remo pode garantir o seu grande objetivo na temporada até mesmo sem vencer os dois jogos. Para isso, é importante o torcedor separar o calmante daqui para frente e acender a vela. Confira abaixo os cenários que garantem o Mais Querido na Série B.

VITÓRIA

A aflição de dirigentes, jogadores, comissão técnica e, sobretudo dos torcedores do Clube do Remo, pode chegar ao fim com uma vitória nesses dois jogos restantes. No clássico deste domingo (10), caso o Leão triunfe sobre o rival, um empate entre Londrina e Ypiranga ou a derrota do Tubarão confirmaria a vaga azulina à Série B.

EMPATE

Caso o time empate o clássico deste final de semana, independentemente do placar, a melhor combinação seria o empate entre Londrina e Ypiranga também neste domingo (10). Em caso de uma vitória do Tubarão, o Londrina chegaria aos mesmos 8 pontos azulinos e, dessa maneira, iriam para o tudo ou nada na rodada final, com o Remo precisando vencer ou de um empate, já que atualmente possui o saldo de gols mais positivo que o rival sulista.

DERROTA

Certamente o pior dos cenários, mas que matematicamente ainda pode garantir o Remo. Em caso de derrota no clássico, os torcedores precisariam secar com todas as forças o Londrina, pois, em caso de empate ou vitória, o Tubarão chegaria a seis ou oito pontos, respectivamente. Nesse último caso, um a mais que os paraenses. Para isso, somente a vitória interessa na última rodada em duelo direto contra os londrinenses.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS