Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
29°
cotação atual R$

Esporte / Esporte Pará

MAS AINDA NÃO ACABOU...

Marlon cumpre meta pessoal com acesso do Clube do Remo

A conquista do acesso ficou para trás e o elenco do Leão Azul já está completamente focado na última rodada da Série C, que pode garantir o clube na grande decisão do campeonato

quinta-feira, 14/01/2021, 08:57 - Atualizado em 14/01/2021, 08:57 - Autor: Matheus MIranda


O veterano voltou ao Baenão para ajudar a subir o time para a Série B
O veterano voltou ao Baenão para ajudar a subir o time para a Série B | Samara Miranda/Remo

Não foi apenas o torcedor azulino que sentiu a sensação de ‘extravaso’ com o acesso conquistado à Série B do Campeonato Brasileiro, no último final de semana. Alguns jogadores fizeram questão de relatar, nos dias seguintes à conquista, a meta pessoal cumprida. O experiente lateral-esquerdo Marlon, cria da terra e com momentos bons e ruins vividos no começo da sua trajetória no esporte pelos corredores do estádio Evandro Almeida, foi um deles.

De volta ao Leão Azul após nove anos, o ala não escondeu o sentimento de dever cumprido pela ascensão remista no cenário nacional. Até por isso, o profissional fez questão de agradecer a um personagem pela sua vinda ao time e pela chance de fazer parte desse capítulo importante da agremiação. “Foi uma das conquistas mais relevantes da minha carreira. Tenho uma pelo Criciúma também, que acabou levando para a Série A. Isso para o jogador é gratificante. Sou um cara abençoado, mas temos que lembrar de várias pessoas que passaram por aqui: os companheiros e o Mazola (Júnior, ex-treinador), que se não fosse ele acho que não estaria aqui. Ele foi um cara que ajudou muito na minha vinda e só tenho que agradecer a ele por ter aberto a porta do Remo mais uma vez a mim”, comentou o jogador em tom de gratidão.

Marlon, que deve ser titular no jogo diante do Londrina, mesmo após sair ao longo do último Re-Pa com queixas, seguiu com o pensamento de cravar o nome na história do Remo. “Eu tinha uma meta desde quando aceitei a proposta de voltar. Uma meta era o acesso, sabíamos que não seria fácil, todo mundo procurou remar pro mesmo lado e tudo deu certo. Agora a gente está a um ponto de conquistar a vaga na final e disputar o título, que vai ser muito importante para o clube”, projetou.

Dessa maneira, Marlon rechaçou a ideia do time entrar tranquilo para o jogo final desta etapa da Terceirona em virtude do acesso antecipado. Na verdade, conforme ponderou o atleta, o Remo quer seguir com a mesma regularidade que o credenciou como o primeiro time desta competição a confirmar o regresso à Segundona. “A gente tem que jogar do mesmo jeito que tem jogado até aqui para que a gente não seja surpreendido. É uma equipe muito forte (Londrina), mas a gente vai procurar se impor para garantir o resultado”, afirmou.

INGRESSOS VIRTUAIS

Com o acesso garantido à Série B no último final de semana, a equipe azulina quer seguir viva na competição, desta vez em busca do título deste campeonato da Série C. Para isso, a equipe tentará confirmar a sua presença na grande decisão da competição em partida contra o Londrina, pelo encerramento do quadrangular decisivo. Conforme adotou nas últimas rodadas, a diretoria da agremiação abriu novamente a venda de ingressos virtuais para ajudar a equilibrar as contas. Os valores seguem os mesmos: R$ 10, R$ 20 e R$ 50, sendo este valor que dá direito a uma camisa. O meia Felipe Gedoz deu o recado. “Nação Azulina, que nos acompanha até hoje nessa Série C, adquira o seu ingresso virtual. Nos ajude, que vamos em busca desse título”.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS