Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis


29°
R$
Viral

Prefeito é flagrado recebendo sexo oral em elevador de hotel; veja o vídeo!

terça-feira, 30/04/2019, 15:07 - Atualizado em 30/04/2019, 15:13 - Autor:



Um encontro político - chamado Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios - que reuniu prefeitos de diversas cidades brasileiras, em Brasília, entre os dias 8 e 11 de abril deste ano, acabou marcado por episódios de atentado violento ao pudor: um gestor municipal, por exemplo, foi flagrado recebendo sexo oral dentro do elevador de um hotel em Brasília.


O evento, que teve a presença de 5 mil participantes, deveria servir para discutir questões que influenciam o dia a dia dos municípios. O prefeito de Tibagi, no Paraná, cidade de 20,5 mil habitantes, foi um dos gestores que não se preocupou muito com o pudor e decidiu “aproveitar” a ocasião de outra maneira.


 Gravações de câmeras de segurança mostram o momento exato em que o prefeito Rildo Emanoel Leonardi se relaciona com a mulher, supostamente uma garota de programa.


O vídeo mostra o prefeito abrindo os botões da calça e sorrindo para a garota de cabelos negros, que segura uma bolsa e um telefone celular.


A jovem se agacha enquanto acaricia o órgão genital do político. A ação só termina quando as portas se abrem. O prefeito paranaense aperta as teclas do elevador para que as portas se fechassem e ele tivesse mais momentos de privacidade. Só que tudo estava sendo filmado. Depois de alguns instantes, ele abotoa a calça e os dois deixam o elevador.


O ato libidinoso ocorre em área comum a mais de 200 hóspedes, em estabelecimento que reúne, além dos visitantes, moradores.


Veja:



À reportagem do portal Metrópoles, o prefeito de Tibagi admitiu que participou de algumas “noitadas” em boates brasilienses durante o período em que esteve na capital por ocasião da marcha. No entanto, o gestor afirmou não se recordar dos “momentos quentes” dentro do elevador.


Segundo o prefeito, a marcha ocorreu há muitos dias. “Me lembro de ter ido a algumas boates e ter bebido, mas não me recordo de sexo oral com nenhuma mulher dentro de qualquer elevador”, disse.


Há dois anos, Rildo Leonardi se envolveu em outra confusão: em 16 de junho de 2017, ele foi esfaqueado pela então primeira-dama de Tibagi, Andreia Barreto Lima Leonardi.


A mulher foi presa por tentativa de homicídio ao querer se vingar de uma suposta traição. O crime ocorreu por volta das 4h. O prefeito foi atingido por uma facada no braço direito, socorrido e levado inicialmente para um hospital da cidade. Ele passou por cirurgia e retornou ao trabalho dias depois.


Além de Rildo, outro prefeito protagonizou cenas que deixaram os hóspedes do mesmo hotel, no Setor Hoteleiro Sul, estarrecidos. O chefe do Executivo de um município de Rondônia foi flagrado pelas câmeras circulando completamente nu pelo corredores do hotel.


(Com informações do portal Metrópoles)

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS