Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis


25°
R$
Viral

Acessório de atriz pornô japonesa gera revolta na China

sábado, 11/08/2018, 19:12 - Atualizado em 11/08/2018, 19:25 - Autor:



Um acessório de roupa e uma blusa fizeram uma estrela pornô japonesa gerar uma verdadeira crise política envolvendo diversas instituições na China, provocando indignação no Partido Comunista chinês.


Imagem: Reprodução




O caso ocorreu com a atriz Sora Aoi, que foi convidada por uma empresa de Xangai, que vende remédios para ereção, para participar de um evento filantrópico. O objetivo era arrecadar dinheiro para estudantes pobres da província Yunnan, na China.



Imagem: Reprodução



No entanto, o traje escolhido para Sora não foi nada bem escolhido: ela usou um lenço vermelho e uma blusa branca, traje típico dos Jovens Pioneiros, versão infantil dos comunistas chineses.



Imagem: Reprodução



Os vídeos e fotos de Sora divulgados nas redes sociais irritaram os internautas chineses, gerando ainda reação até mesmo na Liga da Juventude Comunista, que acusou a empresa de "ignorar a lei e os bons costumes".




Traje usado por atriz pornô em evento gerou comoção pública. Foto: Reprodução


"Jovens Pioneiros da China é uma organização infantil coordenada pelo Partido Comunista da China. Desde a criação, os pioneiros contribuíram significativamente para a revolução, construção e reforma da China. O lenço vermelho é o símbolo do Movimento dos Pioneiros e dos Jovens Pioneiros da China. Ele simboliza a luta e as perdas dos heróis da revolução", de acordo com comunicado publicado no site da organização.


A declaração ainda reitera que a "Lei de Proteção dos Heróis e Mártires da China" proíbe insultar e ironizar o patrimônio e a memória dos heróis da revolução.




"Esta empresa desconsidera a lei, desrespeita a ordem pública e os bons costumes e negligencia a moralidade e o simbolismo do lenço vermelho. Ela sujou a imagem da organização dos pioneiros. Nós condenamos a atitude muito seriamente", diz a declaração.


Depois de a declaração surgir, a companhia se desculpou pelo uso inapropriado do lenço e por ter ferido os sentimentos do povo chinês.


(Com informações do portal Sputnik News)


 

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS