Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
30°
cotação atual R$
SOLIDARIEDADE

Moradora de rua ajuda cego a chegar em parada de ônibus e vídeo viraliza 

domingo, 04/08/2019, 13:35 - Atualizado em 04/08/2019, 13:35 - Autor: Redação


| Reprodução/Facebook

A solidariedade de uma moradora de rua chamou a atenção dos internautas durante a última semana. Um vídeo que circulou pelas redes sociais tem encantado a web. As imagens mostram a mulher ajudando um cego a atravessar uma rua até a parada de ônibus. 

O registro foi feito pelo jornalista Luiz Vieira, em Cuiabá. No momento do flagrante, o repórter estava se preparando para gravar uma entrevista. Quando se deparou com a cena, ele não perdeu tempo e gravou as imagens. 

“Eu estava dentro do carro esperando um entrevistado para fazer uma reportagem sobre a restauração de um monumento histórico quando a vi atravessando a rua com o deficiente visual”, disse. “Aquela cena me chamou muito a atenção, ela bastante debilitada o ajudou a atravessar a rua até o ponto de ônibus e, quando retornava, ainda desejou bom dia para pessoas que estavam aguardando a chegada dos ônibus”, explica.

Veja o vídeo:

De acordo com o jornalista, a intenção do vídeo não foi ganhar visibilidade, mas sim mostrar o outro lado da população em situação de rua. “É impressionante você pensar que o lado mais fraco da força estava ali oferecendo o que tem e a gente não fazendo o mínimo para ajudar o próximo”, reflete. “Pessoas em situação de rua são vistas e interpretadas, em sua maioria, como marginais e perigosas, mas esse é o exemplo de que talvez elas só precisem de um pouco de humanidade”, continua.

Leia mais:

Gato aprende a desligar alarme e faz mulher se atrasar para o trabalho

Médicos descobrem 526 dentes embutidos na mandíbula de criança de 7 anos

A moradora, conhecida apenas como Cléia, de 38 anos, mora na rua há mais de 20. Ela contou ao jornalista que foi parar na rua por conta de problemas familiares. A mulher ainda relatou que perdeu a guarda de duas filhas e começou a usar drogas. 

Com a repercussão do vídeo, diversas pessoas mostraram interesse em ajudar a mulher. “As pessoas estão dizendo que vão passar por lá e ajudá-la, mas ainda não soube de nenhuma outra ação nesse sentido”, finaliza o repórter.

(Com informações do BHAZ) 

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS