Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
28°
cotação atual R$

Tuédoidé? / Curiosidades

GAMBÁS

Saiba por que se deve desinfetar por onde uma mucura passou

terça-feira, 15/10/2019, 18:29 - Atualizado em 15/10/2019, 18:40 - Autor: Tomas Tavares


Os gambás também são conhecidos por mucuras na região Norte do Brasil. Eles são animais silvestres e, por comerem de tudo, costumam aparecer em áreas urbanas, geralmente onde há lixo e resto de comida. Nas zonas rurais, esses animais podem trazer prejuízos a quem tem uma granja, por exemplo, porque eles comem ovos e também pintinhos. 

Além disso, a mucura possui um cheiro forte (muito fedorento) que é característico da espécie principalmente quando se sente ameaçada. Isso ocorre porque as mucuras têm glândulas, chamadas perianais, que liberam um álcool chamado butilmercaptana. É uma técnica de defesa (muito eficaz) para manter o inimigo longe. As fêmeas, quando estão no cio, também soltam essa substância.

Os gambás também podem transmitir doenças como leptospirose, através da urina, e verminoses através das fezes, segundo informações do site da Prefeitura de São Paulo. Por isso é importante desinfetar com água e sabão o local por onde uma mucura tenha passado.

Mas não se esqueça que matar um animal desses é crime ambiental. Eles são animais nativos em vida livre, segundo o chefe do escritório regional do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis de Bagé (Ibama), Rodrigo Dutra da Silva ao site JusBrasil. “A espécie se aproveita da farta alimentação encontrada nos resíduos domésticos, assim como de abrigos como telhados. Tal característica faz com que a espécie seja considerada parte da fauna sinantrópica, que é aquela que se beneficia de características ecológicas oriundas das atividades humanas e vive próximo ao homem nas zonas urbanas”, explica.

O certo é chamar os órgãos de saúde ou ambiental do município para resgatar a espécie, caso você encontre com uma mucura no caminho.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS