Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
27°
cotação atual R$
Bizarro

'Fã' executa cantora grávida que se recusou a levantar para cantar

sábado, 14/04/2018, 14:13 - Atualizado em 14/04/2018, 14:20 - Autor:


A cantora Samina Sindhu, de 28 anos, foi morta na última terça-feira (10) quando se apresentava em uma festa de um milionário local na província de Sind, no Paquistão. Seu algoz, um homem que estava na festa, baleou a cantora grávida depois de ter se recusado a levantar para cantar por conta do peso da barriga de oito meses.


Apesar do homem ter sido detido, os motivos do crime permanecem desconhecidos. De acordo com o depoimento do marido da vítima, Ashiq Sammoo, durante a performance da esposa um homem apontou uma arma para ela e ordenou que ela se levantasse para cantar. Ao dizer que não poderia por causa da gestão, ele atirou.


O ativista dos direitos, Shama Junejo, lamentou a morte de Samina e revelou que ela só precisou chegar ponto de fazer apresentações mesmo à espera de um filho porque “o trabalho era sua única fonte de renda”.


(Com informações do Metrópoles)

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS