Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
25°
cotação atual R$
BIZARRO!

Conheça 'Blob', criatura misteriosa com 720 sexos e sem cérebro, veja!

O Physarum polycephalum é considerado um dos maiores mistérios da natureza

sexta-feira, 13/11/2020, 18:07 - Atualizado em 13/11/2020, 18:07 - Autor: Com informações BBC


| Reprodução

Ele não tem boca, estômago, olhos, tampouco pode detectar ou digerir alimentos. Também não tem braços ou pernas, mas consegue se locomover e, em um único dia, dobrar de tamanho.

É capaz de aprender e transmitir conhecimento, apesar de não ter cérebro. Se for cortado ao meio, tem a capacidade de se regenerar em dois minutos.

De acordo com os cientistas franceses, a criatura não se trata de uma planta, tampouco de um animal ou fungo, embora aja como uma mistura destes dois últimos. E, no seu mundo, não existem machos ou fêmeas, mas 720 sexos diferentes.

O Physarum polycephalum, que literalmente quer dizer "bolor de várias cabeças", mais conhecido no meio cientifico como "Blob", é um curioso organismo que será exibido no zoológico de Paris, na França, neste fim de semana.

"O 'Blob' é realmente uma das coisas mais extraordinárias que existem hoje na Terra. Existe há milhões de anos e ainda não sabemos muito bem o que é. Não se sabe muito bem se é um animal, se é um fungo ou se é algo entre os dois", afirmou o diretor do zoológico de Paris, Bruno David, que considera a criatura "um dos mistérios da natureza".

O apelido "Blob" vem de um filme de ficção científica de 1958, A Bolha Assassina (The Blob, em inglês), estrelado por Steve McQueen, no qual uma forma de vida alienígena, a "Bolha" (ou "Blob"), consome tudo que vê pela frente em uma pequena cidade da Pensilvânia, nos EUA.

VEJA TAMBÉM!


Segundo os pesquisadores, Blob já vivia na Terra 500 milhões de anos antes dos seres humanos. Durante muito tempo, foi considerado um fungo, mas, na década de 1990, um estudo o reclassificou no grupo dos mixomicetos, ou bolor limoso, uma subcategoria da família das amebas.

Sua aparência se assemelha a uma esponja de coloração amarela, mas também existem variedades em rosa, branco e vermelho. Consiste em uma única célula, às vezes, podem replicar seu DNA e se dividir.

A criatura bizarra é frequentemente encontrado em locais onde há decomposição de folhas e em troncos de árvores, locais frescos e úmidos. Parece não se movimentar, mas se locomove a um centímetro por hora em busca de presas, como esporos de fungos, bactérias e micróbios.

Para os especialistas, uma das características mais fascinantes do "Blog" é sua capacidade de raciocinar. "Ele é capaz de memorizar, é capaz de adaptar seu comportamento, é capaz de resolver problemas, de se movimentar por um labirinto, procurar soluções de otimização, de se comportar um pouco como um animal", explica David.

Se os espectadores do zoológico de Paris esperam uma atração com movimentos espetaculares, podem ficar desapontados com um ser vivo cujo movimento dificilmente é percebido.

Por isso, o zoológico terá uma tela interativa que inclui um vídeo acelerado da locomoção de "Blob", que se move por meio da extensão de saliências, chamados pseudópodes.

Conheça mais sobre a espécie!

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS