Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
24°
cotação atual R$
BIZARRO

Jovem pesca 'peixe dinossauro' e se assusta com a aparência bizarra do animal

quarta-feira, 25/09/2019, 16:30 - Atualizado em 25/09/2019, 16:30 - Autor: Com informações R7


 A espécie já existe há cerca de 300 milhões de anos e seria um parente distante dos tubarões.
A espécie já existe há cerca de 300 milhões de anos e seria um parente distante dos tubarões. | (Reprodução/Arquivo Pessoal)

Oscar Lundahl, um norueguês de 19 anos, se assustou ao pescar um peixe estranho de rabo longo e olhos enormes perto da ilha de Andoya, Noruega na última semana.

De acordo com o tabloide The Sun, a aventura começou quando o jovem resolveu pescar no litoral da ilha de Andoya. Com uma vara de quatro anzóis, Oscar colocou como isca uma manjubinha em um dos anzóis.

E de repente, um peixe desconhecido mordeu a isca, o que deu início a uma batalha de 30 minutos com o pescador. Embora tudo parecesse ser uma pesca normal, Oscar teve uma grande surpresa.

"Eu levei 30 minutos para tirá-lo da água porque ele estava cerca de 800 metros no fundo", disse Oscar ao tabloide.

(Reprodução/Arquivo Pessoal)
 

Já quando o peixe saiu da água, ele teve um baita susto. A aparência do animal era tão assustadora que o jovem norueguês quase virou seu barco de medo.

(Reprodução/Arquivo Pessoal)
 

Espécie antiga

Segundo os especialistas, o peixe em questão nada mais era do que uma quimera. O animal era descrito pelos antigos gregos como sendo um peixe com cabeça de leão e cauda de dragão.

(Reprodução)
 

Ainda segundo os especialistas, a espécie já existe há cerca de 300 milhões de anos e seria um parente distante dos tubarões. Por se tratar de um peixe das profundezas, sua pesca é algo raro de acontecer.

Infelizmente, o animal com aparência jurássica não sobreviveu. Oscar o levou para casa e resolveu comer o peixe.

(Reprodução/Arquivo Pessoal)
 

"Apesar de sua aparência feia, ele é bem gostoso. Parece com bacalhau, só que mais gostoso", comentou Oscar.

 A espécie já existe há cerca de 300 milhões de anos e seria um parente distante dos tubarões.
A espécie já existe há cerca de 300 milhões de anos e seria um parente distante dos tubarões. | (Reprodução/Arquivo Pessoal)
A espécie já existe há cerca de 300 milhões de anos e seria um parente distante dos tubarões. | (Reprodução/Arquivo Pessoal)
A espécie já existe há cerca de 300 milhões de anos e seria um parente distante dos tubarões. | (Reprodução/Arquivo Pessoal)
A espécie já existe há cerca de 300 milhões de anos e seria um parente distante dos tubarões. | (Reprodução/Arquivo Pessoal)
A espécie já existe há cerca de 300 milhões de anos e seria um parente distante dos tubarões. | (Reprodução/Arquivo Pessoal)

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS