Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
25°
cotação atual R$
GRAVE INFECÇÃO

Mulher quase morre após ser arranhada por gato

domingo, 21/07/2019, 18:29 - Atualizado em 21/07/2019, 18:31 - Autor: Thomás de Souza


Moira Brady quase morre após ser atacada por um gato
Moira Brady quase morre após ser atacada por um gato | SWNS: South West News Service

Uma mulher quase morre e perdeu parte de seu corpo após ser arranhada por um gato.

Moira Brady, 45, que mora em Baillieston, região da Escócia, teve uma infecção gravíssima após o ataque de um felino no jardim de sua casa. Ela desenvolveu uma forma letal da bactéria Staphylococcus que é resistente a vários tipos de antibióticos e se alimenta de carne.

Além de perder um dedo, que devastou a vida da paciente, segundo ela, a infecção também quase paralisou seus rins e ela teve que fazer vários enxertos de pele no braço. Moira passou um mês internada e ainda terá que fazer outras cirurgias no futuro.

 Now Moira can't do everyday things like picking a tray out of the oven

Segundo o The Sun, ela foi arranhada por um gato, possivelmente feroz, após tentar separar uma briga entre felinos no jardim de sua residência. No começo, a mulher não desconfiou da infecção, mas seus membros começaram a inchar e um de seus dedos ficou azul.

 Moira's wounded arm after the infection had spread through her body

"Eles disseram que eu poderia ter morrido ou perdido toda a minha mão. O cirurgião ficou cinco horas e meia depois de seu turno para salvar minha vida e eu tive que fazer uma transfusão de sangue. Ele me disse que eu tive muita sorte", relembra a mulher. "Isso arruinou a minha vida. Eu não posso fazer coisas cotidianas agora, como tirar comida do forno", lamenta Moira.

A Dra Emilia Crighton, Consultora em Saúde Pública e Chefe da Seção de Serviços de Saúde, NHSGGC, disse: "Se for apenas um arranhão, limpe a área e busque apenas atendimento médico caso seja infectado. Se for uma mordida e a pele estiver quebrada, aconselho a procurar atendimento médico, pois a área pode ser infectada".


Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS