Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
25°
cotação atual R$

Notícias / Veículos

Veículos

Segredo: todas as versões, motores e detalhes do Fiat Argo

quinta-feira, 04/05/2017, 16:50 - Atualizado em 04/05/2017, 16:50 - Autor:


Rodas exclusivas indicam que essa é a versão HGT, topo de linha

Rodas exclusivas indicam que essa é a versão HGT, topo de linha (Silvio Gioia/Quatro Rodas)

O Argo será o principal lançamento da Fiat neste ano, mas a marca vem tentando esconder as informações oficiais sobre o carro.

Os concessionários, no entanto, já tiveram um primeiro contato com o veículo, inclusive com direito a test-drive realizado dentro do Autódromo de Curitiba, em São José dos Pinhais (PR) – onde flagramos várias unidades rodando com uma leve camuflagem escondendo a dianteira e a traseira do carro.

Durante o treinamento realizado junto aos lojistas, a Fiat revelou que o Argo terá três opções de motorização: 1.0 Firefly (até 77 cv e 10,9 mkgf), 1.3 Firefly (até 109 cv e 14,2 mkgf) e 1.8 e.TorQ (até 139 cv e 19,3 mkgf). Enquanto os dois primeiros estrearam na linha 2017 do Uno, o terceiro equipa vários modelos atuais do grupo FCA – incluindo a picape Toro e o Jeep Renegade.

Unidades foram fotografas durante evento para concessionários no Paraná

Unidades foram fotografas durante evento para concessionários no Paraná (Silvio Gioia/Quatro Rodas)

Haverá três opções de transmissões: as versões 1.0 virão com câmbio manual de cinco velocidades, enquanto o motor 1.3 poderá vir com o câmbio automatizado de cinco marchas, chamado pela marca de GSR. Já as versões com motor de 1,8 litro poderão vir com a transmissão automática de seis velocidades.

Os nomes das versões de acabamento também já foram definidos: Drive (como na versão com motor 1.0 Firefly do Mobi), Precision (também adotada no Freemont) e HGT (resgatando a sigla utilizada no antigo Brava).

Hatch deve ter design inspirado no Tipo europeu (Silvio Gioia/Quatro Rodas)

Sendo assim, o Argo terá seis versões: Drive 1.0 com caixa manual de cinco velocidades, Drive 1.3 (com câmbio manual de cinco marchas ou automatizado de cinco marchas GSR), Precision 1.8 (câmbio manual de cinco velocidades ou automático de seis marchas) e HGT (também com câmbio manual de cinco velocidades ou automático de seis marchas).

Pelo que pudemos observar nas ocasiões em que nos deparamos com veículos camuflados, o Argo terá porte semelhante ao do Punto, com aproximadamente 4 metros de comprimento. Os faróis serão espichados para as laterais, lembrando um pouco o Mobi. A traseira terá lanternas parecidas com as do Tipo, mas em posição mais baixa.

Conforme revelado no teaser divulgado pela marca nesta semana e de acordo com o que vimos no Paraná, o interior terá vários elementos vindos de outros carros da marca. Alguns botões e o painel de instrumentos vieram da Toro. Mas outras peças foram desenvolvidas exclusivamente para o modelo.

Detalhe do painel mostra que instrumentos serão iguais aos da Toro

Detalhe do painel mostra que instrumentos serão iguais aos da Toro (reprodução/Youtube)

O nível de acabamento promete ser superior ao de outros modelos da marca, aproximando-se do bom padrão observado na Toro – ou seja, mais próximo dos Jeep do que dos Fiat.

Ar-condicionado e direção elétrica deverão ser itens de série. A central multimídia touchscreen será exclusiva, numa posição mais elevada no console central.

O Argo será apresentado oficialmente em junho, e deve substituir tanto o Punto quanto o Palio, atuando nos segmentos de hatches compactos (onde irá enfrentar Chevrolet Onix, Ford Ka, VW Gol) e hatches compactos premium (Hyundai HB20, Toyota Etios, Ford Fiesta).


Arquivado em:Notícias Tagged: hatches compactos, hatches compactos premium, Segredo

Fonte: Quatro Rodas Abril

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS