Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
25°
cotação atual R$

Notícias / Veículos

Veículos

Nova versão do Jeep chegará em outubro

quarta-feira, 31/08/2016, 08:36 - Atualizado em 31/08/2016, 08:55 - Autor:


O Brasil deve ser o primeiro país a recever o lançamento da nova geção do Jeep Compass, no final de setembro. As vendas estão previstas para começar em outubro.


A produção do Compass na fábrica no município de Goiana, Pernambuco, teve início nesta semana. Com preço inicial entre os R$ 100 mil e os R$ 110 mil, ele terá como alvo o Hyundai iX35 e o Mitsubishi ASX.


As metas são tão ousadas quanto a estratégia da Jeep, que quer colocar o Compass imediatamente acima do Renegade. A versão de entrada terá a configuração 2.0 do motor Tigershark (o mesmo do Compass atual) atualizado e flex, rendendo aproximadamente 165 cv e 21 mkfg de torque - o Tigershark 2.4 que deve futuramente deve equipar a Toro não será utilizado por questões tributárias que elevariam demais o preço do carro.



Em vez do câmbio CVT da garação anterior, agora o Compass terá câmbio automático de seis marchas. É uma mecânica equivalente a dos concorrentes, mas combinada a um pacote de equipamentos melhor: controles de estabilidade e tração (que ASX e iX35 têm apenas nas versões mais caras) e quatro airbags serão de série, bem como o freio de estacionamento eletrônico e a central multimídia com GPS.


Versões


 Já presente no Renegade e na Fiat Toro, o motor 2.0 turbodiesel Multijet, de 170 cv e 35 mkgf de torque e sempre com câmbio automático de nove marchas e tração 4x4, será a segunda opção do Compass. Versões com este motor partirão de cerca de R$ 125 mil, já de olho em Audi Q3 1.4 (R$ 136.990), Honda CR-V (R$ 148.000), Toyota RAV4 (R$ 132.990) e Volkswagen Tiguan (R$ 149.990). O atrativo, neste caso, serão o torque e a economia, pois nenhum dos concorrentes tem versão com motor diesel.


Uma versão Trailhawk está nos planos, com para-choques que permitem ângulos de ataque e saída maiores e suspensão elevada, além de pneus lameiros e tração 4x4 com modo de operação para passar por rochas.


(Com informações do portal Quatro Rodas)

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS