Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
25°
cotação atual R$

Notícias / Veículos

Veículos

Manutenção preventiva do motor evita dor de cabeça

quinta-feira, 01/10/2015, 14:18 - Atualizado em 01/10/2015, 14:18 - Autor:


Existem alguns erros muitos comuns ao volante, que acabam diminuindo a vida útil do motor. Exemplo: trabalhar em rotação muito baixa, ultrapassar o limite de giros e ir além da faixa vermelha do contagiros. São ações que podem comprometer e danificar o bloco do motor e seus componentes.
Ao sair, deixe que o motor atinja sua temperatura ideal já com o carro em movimento. É um erro deixá-lo funcionando muito tempo só pra aquecê-lo. Outro cuidado muito importante é relacionado às trocas de óleos. Jamais se deve colocar o líquido além do nível indicado, pois o excesso suja as velas, e prejudica a queima de combustível. Com isso, o carro perde potência e consome mais combustível.
Para evitar o acumulo de borras no sistema de lubrificação, recomenda-se a cada troca de óleo a aplicação de produtos que limpam o cárter e que evitam e removem borras e vernizes e eliminam as que estão em início de formação na parte interna do motor. Mas se já há formação excessiva de borras, aconselha-se desmontar o motor para fazer a limpeza completa.


Outra recomendação é conferir os níveis de óleo e de água só com o motor a frio. Assim é garantida a medição precisa. O motorista nunca deve abrir a tampa do reservatório de água com o motor quente, pois isso despressuriza o sistema e gera bolhas de ar que prejudicam o sistema de água e, em situações extremas, levam ao superaquecimento do motor.
O uso de produtos corretos para cada situação também é fundamental. Atente-se ao tipo de água usada no sistema de arrefecimento, pois a com grande quantidade de componentes químicos (como o cloro) favorece a corrosão. Sendo assim, use um protetor do sistema de arrefecimento diluído em água desmineralizada – que também pode ser usada em baterias, motores estacionários e reservatórios de carros, tratores, caminhões e barcos. Também é indicado em ferros de passar roupa e em laboratórios.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS