Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
30°
cotação atual R$
SOLIDÃO NÉ MEU FILHO?

Robôs que fazem sexo e conversam são os mais vendidos na pandemia; assista!

sábado, 08/08/2020, 21:54 - Atualizado em 08/08/2020, 22:07 - Autor: Fonte: Uol


Embora com tecnologia brasileira, humanoides vão demorar pra chegar aqui
Embora com tecnologia brasileira, humanoides vão demorar pra chegar aqui | Reprodução Instagram

Com a mente criada por uma empresa brasileira, o robô sexual já é uma realidade e teve um expressivo crescimento nas vendas durante este período de pandemia.

Batizado como Harmony, na versão feminina, e Henry (imagem abaixo), na masculina, o robô é um humanoide e segundo a empresa brasileira NextOS, foi criado para fazer companhia e sexo com o proprietário(a), sendo capaz até de gemer durante a relação íntima.

O robô é capaz de travar longas conversas com os donos e emitirem até mesmo opinião. Os robôs não estão preparados para beijar, segundo os desenvolvedores, mas, estão liberados para sexo oral.

Primeiro androide sexual masculino do mundo tem curitibano entre ...

A empresa viu suas vendas aumentarem em 40% durante esta pandemia, comparado com o mesmo período do ano passado. No entanto, apesar de ter envolvimento de uma empresa brasileira, o robô sexual não deve chegar tão cedo ao Brasil.

"As pessoas estão se sentindo sozinhas e estão buscando companhia nem que seja virtual, diz Gustavo Hernandes, um dos coordenadores do projeto no Brasil. 

Um dos destaques que chamam atenção dos interessados são as expressões humanas que podem até enganar os menos atentos. No início, Harmony possui características indiferentes, mas, segundo a empresa, é porque “ela” quer ser conquistada.

Logo após ganhar intimidade, a expressão da robô muda e ela passa a demonstrar interesse em seu dono. Segundo a empresa, eles quiseram captar o máximo da realidade do jogo da conquista entre os seres humanos.

Veja!

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS