Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
29°
cotação atual R$

Notícias / Te Cuida

CUIDADO COM SEUS OLHOS

É covid-19 ou alergia ocular? Saiba diferenciar!  

A doença que já atingiu mais de 4,9 milhões de pessoas em todo o Brasil pode estar relacionada a saúde ocular.

terça-feira, 06/10/2020, 15:07 - Atualizado em 06/10/2020, 15:11 - Autor: Lana Oliveira e Fabiana Batista


| Reprodução: Freepik

O mundo sofreu transformações significativas em todas as áreas com a pandemia do novo coronavírus, que se tornou uma ameaça muito grave para a saúde humana. A doença causada pela Covid-19 – doença transmitida pelo vírus SARS-CoV-2 – já chegou a afetar mais de 4,9 milhões de pessoas em todo o Brasil e foi responsável pela morte de mais de 146 mil. O Pará atingiu mais de 234 mil casos e o número de mortes passa de 6,6 mil. 

Clique aqui e ouça o quarto episódio da coluna "Te Cuida!" em versão podcast

Diante da situação atual, os cuidados com a higiene pessoal e de todo e qualquer ambiente redobraram, mas é necessário voltar as atenções também, para a saúde ocular, pois de acordo um alerta divulgado pela Academia Americana de Oftalmologia (AAO), relatórios apontam que a Covid-19 pode ser contraída pelos olhos, além de mucosas da boca e do nariz.

Leia mais:

Saiba a importância da saúde bucal em tempos de pandemia

Alimentação e hábitos saudáveis para aumentar a imunidade durante a pandemia

Saiba mais sobre postura e bem estar em home office

Segundo estudos feitos pela a Academia, esse tipo de vírus também pode causar conjuntivite, ou seja, a inflamação ou irritação da conjuntiva. Essa infecção ocorre porque o vírus ataca as vias respiratórias através do canal lacrimal. Embora a conjuntivite não seja um dos sintomas mais comuns da Covid-19, com quadro clínico considerado raro, a própria Academia Americana de Oftalmologia reconhece e alerta os oftalmologistas sobre os cuidados nos atendimentos com pacientes possivelmente infectados.

Identifique os sintomas do coronavírus, conjuntivite e alergia ocular:

 

Fabiana Batista : Como identificar se estou com covid-19 ou conjuntivite?

 

Drº Billy Moura: A conjuntivite pode ter várias causas, que pode ser infecciosa, causada por vírus ou bactérias e não infecciosas, como a conjuntivite alérgica por exemplo. Do ponto de vista de sintomatologia, o que pode diferenciar a conjuntivite alérgica da conjuntivite infecciosa, é a presença de coceira e também da história clínica de ter antecedente de atopia como rinite, asma, dermatite, alergia a picada de inseto.

Ajuda também a diferenciar quando a conjuntivite vem associada a outros sintomas clínicos, então às vezes a pessoa tem só uma conjuntivite ou só uma inflamação nos olhos, sem nenhum quadro sistêmico, nenhum mal-estar, dor no corpo, coriza, dor de garganta, e a às vezes as pessoas tem esses sintomas todos associados. Então, pode ser mais provável, que quando vem associado a sintomas de gripagem, vamos dizer assim, tenha mais chance de ser conjuntivite infecciosa, dentre elas pode ser o coronavírus.

Lana Oliveira: Devo me preocupar com meus olhos lacrimejantes e coceira?

Billy Moura: Sim, lacrimejamento e coceira podem ser sintomas de várias condições, desde as mais simples como olhos ressecados, porque está a muito tempo no ar-condicionado, na frente do computador ou alergia ocular e outras doenças de córneo como ceratocone. A informação principal aqui, é que não se deve coçar os olhos, principalmente nos dias atuais, pelo risco de elevar contaminação para os olhos e lembrar que o oftalmologista deve ser sempre consultado com regularidade. 

Fabiana Batista: Se o paciente não tiver certeza dos sintomas oculares, o que ele deve fazer?

Billy Moura: Em caso de dúvida, o paciente deve procurar um oftalmologista. É importante ressaltar que durante a pandemia a “Teleconsulta” está sendo permitida no Brasil e muitos médicos já estão realizando essa “teleorientação”. Muitos esclarecimentos podem ser obtidos sem sair de casa e, dependendo desse primeiro contato, se for indicado, ir até um consultório para fazer outros exames para que você realmente seja tratado da melhor maneira possível e com mais segurança. 

Lana Oliveira: Quais as principais orientações que você pode dar para se prevenir contra alergia ocular e covid-19?

Billy Moura: Pessoas alérgicas devem evitar contato com o que causa alergia, por exemplo: bicho de pelúcia, flores, pelo de animais, tapetes, cortinas, trocar roupa de cama com mais frequência e dessa forma a gente evita a alergia ocular. Em relação a covid-19, é orientado lavar as mãos, usar álcool em gel sempre que tocar em qualquer coisa fora de casa, evitar tocar nos olhos, higienizar as mãos imediatamente, usar máscara e manter o distanciamento social. Esses são cuidados muito importantes para evitar essa tão temida doença. 

 

Assista a entrevista com o médico oftalmologista Billy Moura:

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS