Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
27°
cotação atual R$

Notícias / Serviço

EM TEMPOS DE PANDEMIA

Passo a passo: saiba como solicitar o seguro-desemprego

terça-feira, 28/04/2020, 22:08 - Atualizado em 28/04/2020, 22:11 - Autor: Fernanda Palheta


O benefício pode ser solicitado de quatro formas.
O benefício pode ser solicitado de quatro formas. | Marco Santos/USP/Fotos Públicas

O estado de calamidade pública em virtude da pandemia de Covid-19 no Brasil desperta mais um cenário caótico. Segundo o Ministério da Economia, estima-se um aumento de 150 mil pessoas desempregadas entre março e a primeira quinzena de abril, se comparado ao mesmo período do ano passado.

Diante do cenário atual, a busca pelo seguro-desemprego torna-se uma realidade. Mas é preciso ter atenção antes de solicitá-lo. É importante lembrar que o pedido só pode ser feito a partir do sétimo dia contado da data de demissão e dentro de um período de até 120 dias.

LEIA TAMBÉM:

Veja o que fazer após ter o auxílio emergencial aprovado!

Como tirar ou regularizar o título de eleitor pela internet

Saiba como fazer cadastro de Tarifa Social da energia elétrica pelo WhatsApp

Marco Santos/USP/Fotos Públicas
 

CONDIÇÕES

  • A demissão deve ser sem justa causa;
  • O solicitante precisa estar em situação de desemprego quando requerer o benefício;
  • Não deve possuir renda própria para o sustento próprio e da família;
  • Não deve estar recebendo benefício de prestação continuada da previdência social, exceto no caso de pensão por morte ou auxílio-acidente.
  • Se é a sua primeira vez solicitando: necessário ter recebido salário de pessoa jurídica ou de pessoa física equiparada à pessoa jurídica por, pelo menos, 12 meses ao longo de 18 meses imediatamente anteriores à data de demissão.
  • Se for a segunda vez: seguem as mesmas condições acima, com a diferença de ter recebido o salário por, pelo menos, 9 meses ao longo de 12 meses imediatamente anteriores à data de demissão.
  • Se for a terceira vez (ou mais): é necessário ter recebido o salário nos últimos seis meses imediatamente anteriores à data da demissão.

COMO SOLICITAR

Apesar das agências estarem fechadas, o trabalhador habilitado ao seguro-desemprego pode dar entrada no benefício de quatro formas: telefone, celular, computador ou e-mail.

Telefone - A solicitação é feita pela central telefônica 158 no horário de 7h às 19h. O canal serve também para tirar dúvidas ou fornecer mais informações sobre o serviço, caso a página de Perguntas Frequentes não seja suficiente.

Celular - O benefício pode ser solicitado através do aplicativo “Carteira de Trabalho Digital”. O aplicativo está disponível para os dispositivos iOS e Android e pode ser baixado gratuitamente.

Computador - Uma alternativa aos que querem solicitar o seguro-desemprego é recorrer diretamente ao portal de Serviços do Governo Federal e da Secretaria de Trabalho: acesse o site.

E-mail - Outra alternativa é entrar em contato com a Superintendência Regional do Trabalho e solicitar o auxílio por e-mail: [email protected]

Marcello Casal Jr./Agência Brasil

RECEBENDO O BENEFÍCIO

Se você estiver habilitado, após os procedimentos receberá um comunicado, tanto pelo portal quanto pelo aplicativo do celular, de quantas parcelas e quais valores do benefício você terá direito, além das datas para saque em agência das Caixa Econômica Federal.

É importante ressaltar que o primeiro pagamento é feito 31 a 60 dias após a solicitação.

O auxílio pode ser depositado na sua conta ou sacado presencialmente em terminais eletrônicos da Caixa e nas unidades lotéricas com o uso do Cartão Cidadão ou nas agências de trabalho desde que apresente um documento de identidade, carteira de trabalho e o requerimento do seguro-desemprego.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS