Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
30°
cotação atual R$

Notícias / Política

EX ALIADO

Governador de Goiás Ronaldo Caiado crítica pronunciamento de Bolsonaro e vira ex aliado

quarta-feira, 25/03/2020, 15:47 - Atualizado em 25/03/2020, 15:47 - Autor: Redação Diário


|

 O governado de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM), criticou nesta quarta-feira (25), o pronunciamento de Jair Bolsonaro, no qual ele sugeria a "volta à normalidade" e o fim do "confinamento em massa", em meio à pandemia do novo coronavírus.

João Doria ataca Bolsonaro durante reunião e ele rebate: 'leviano' e 'demagogo'; veja o vídeo!

Helder rebate pronunciamento de Bolsonaro: "governar é enfrentar com coragem os inimigos da população"

Ronaldo Caiado anunciou o rompimento com o presidente Bolsonaro, em uma entrevista coletiva à impressa de Goiás. Ele foi um dos grandes apoiadores do presidente, e era um de seus mais importantes aliados.

“Fui aliado de primeira hora, durante todo tempo, mas não posso admitir que venha agora um presidente da República lavar as mãos e responsabilizar outras pessoas por um colapso econômico ou pela falência de empregos que amanhã venha a acontecer. Não faz parte da postura de um governante”, disse Caiado.

Durante a coletiva, o governador de Goiás fez uma longa introdução e citou uma frase de Barack Obama: “Na política e na vida a ignorância não é uma virtude”.

Caiado disse ainda, que como governador, cabe a ele cuidar da vida da população do seu estado. Acrescentou que as decisões de Bolsonaro sobre o Coronavírus não alcançarão o estado de Goiás e que continuará seguindo os protocolos da Organização Mundial de Saúde.

“É um rompimento total, definitivo. Acabou. Não pode governar de acordo com humor dele, senta e desautoriza todo mundo”, completou.


Assista a entrevista Coletiva:

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS