Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
26°
cotação atual R$

Notícias / Polícia

Polícia

Polícia prende dupla envolvida com tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo

sábado, 15/06/2019, 08:00 - Atualizado em 15/06/2019, 08:17 - Autor:


A Polícia Civil prendeu em flagrante na quinta-feira (13), duas pessoas pelos crimes de tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo, em duas investigações realizadas em Castanhal, nordeste paraense. Drogas foram apreendidas com uma das pessoas presas. Com a outra, uma arma de fogo e munição foram apreendidas. As drogas estavam com Heloísa Feitosa de Sales. A prisão dela foi realizada após trabalho de monitoramento realizado pela equipe de policiais civis, sob coordenação do superintendente regional, delegado Paulo Henrique Junior. Os policiais constataram a existência de um ponto de comercialização de entorpecentes no bairro do Florestal.


Em incursão ao local, foram encontradas 62 trouxas de maconha prontas para a venda, sob a cama de Heloísa, proprietária do imóvel. Ela, que estava no local, foi presa em flagrante. A substância foi apreendida. A presa e as drogas foram apresentadas ao delegado plantonista que a autuou por tráfico ilícito de entorpecentes.


POLÍCIA CIVIL/DIVULGAÇÃO


Leia também:



OUTRO FLAGRANTE


Outra prisão em flagrante efetuada, na quinta-feira (13), em Castanhal, foi a de Denilson Matos da Luz, por posse ilegal de arma de fogo de uso permitido. A prisão foi realizada após policiais civis terem recebido denúncia anônima de que, na zona rural da cidade, no Assentamento 15 de Maio, havia um grupo de criminosos praticando diversos delitos, como furtos e roubos e aterrorizando moradores locais e até impedindo que as pessoas comunicassem os crimes às autoridades.


O superintendente regional da Polícia Civil, delegado Paulo Henrique Junior, coordenou uma ação policial até a região, onde se encontrava o principal suspeito dos crimes. Durante as investigações, os policiais civis descobriram o local em que uma arma de fogo utilizada pelo bando estava escondida. O local era a casa de Denilson Matos da Luz que foi apresentado ao delegado para os procedimentos legais.


(Diário do Pará)

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS