Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
26°
cotação atual R$

Notícias / Polícia

Polícia

Assassino que amarrou e ateou fogo a mototaxista no Pará relata crime bárbaro

sexta-feira, 08/03/2019, 16:20 - Atualizado em 08/03/2019, 16:20 - Autor:


O homem que confessou ter assassinado, amarrado, arrastado e ateado fogo a um mototaxista no município de Parauapebas, sudeste paraense, deu mais detalhes sobre o crime bárbaro. O assassino foi preso na última quarta-feira (6) e é apontado como membro de uma facção criminosa.

O criminoso - identificado como Danilo Saldanha Soares - foi indiciado pela Polícia Civil por ter matado o motorista Maurivan Coimbra de Sousa, 38 anos de idade, natural de Riachão, no Maranhão, no dia 3 de fevereiro deste ano.

Após ser morto, a vítima teve o corpo arrastado por cerca de 500 metros, até queimar junto com a moto que pilotava. O caso aconteceu na área de loteamento denominado "Vale das Águas” também conhecido Modão Chácaras”, que fica às margens da PA 275, sentido Curionópolis, a dezessete quilômetros de Parauapebas.

Danilo concedeu entrevista para uma equipe de reportagem de uma emissora de Tucumã, após ser preso, e relatou com detalhes  o crime bárbaro.

“O cara veio me tirar, era ‘Jack Estuprador’. Eu estava bebendo no bar e ele chegou querendo ‘embaçar’ com uma mulher que estava com uma criança no colo. Aí já não deu certo. Eu falei para ele ‘sair fora’. Ele veio me tirar. O sangue ‘ferveu’ e foi ‘sal’. Amarrei ele na moto, arrastei e toquei fogo com moto e tudo. Deitei a moto por cima dele, abri o tanque da moto, a gasolina derramou e toquei fogo”, descreveu Danilo.

Por fim, ao ser perguntado se ele estava arrependido do crime, o acusado respondeu friamente:“De ‘Jack’ não tenho remorso. Se fosse um pai de família ou uma pessoa trabalhadora, teria”.

Envolvimento com facção

Além de ter confessado o assassinato do mototaxista, investigações da Polícia Civil apontam que Danilo é membro da facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC), além de ser responsável por inúmeros roubos nas cidades de Tucumã e Ourilândia do Norte.

(Com informações do portal Pebinha de Açúcar)

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS