Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis


30°
R$

Notícias / Polícia

Polícia

Presos acusados da morte do radialista Jairo Sousa

sexta-feira, 16/11/2018, 10:03 - Atualizado em 16/11/2018, 12:35 - Autor:


Presos acusados pela morte do radialista Jairo Sousa, ocorrida em Bragança, nordeste paraense.


Envolvidos no assassinato do radialista foram levados para o prédio da Unidade Integrada da Polícia.


Segundo a Divisão de Homicídios, uma operação com cerca de 50 políciais militares foi montada e coordenada pela Polícia Cívil do Pará, com apoio da Superintendência da Polícia Cívil da Região nordeste do estado e também da Polícia Cívil de Bragança. Os mandatos expedidos pela polícia foram cumpridos e nove pessoas foram identificadas e presas. 


Uma coletiva de impressa está marcada para o início da tarde desta sexta-feira (16) na Delegacia Geral de Polícia, sede da Divisão de Repreenssão ao Crime Organizado, em Belém, onde os nomes dos presos serão oficialmente divulgados.


ENTENDA


Jairo Sousa foi morto quando entrava no prédio da Rádio Pérola, onde trabalhava.



 


Era conhecido por fazer denúncias de irregularidades e desvios envolvendo prefeituras, vereadores, empresas e autoridades ligadas a processos licitatórios de forma irregular.


O radialista foi executado com dois tiros no dia 21 de junho.


(DOL)

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS