Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
28°
cotação atual R$

Notícias / Polícia

Polícia

Mãe e avó são presas no Marajó após acorrentar criança à cadeira

terça-feira, 12/12/2017, 17:08 - Atualizado em 12/12/2017, 17:08 - Autor:


A mãe e a avó de uma garota de 6 anos de idade foram detidas, neste domingo (10), por manterem a criança em cárcere privado e por cometerem maus-tratos contra a vítima. O caso ocorreu no município de Cachoeira do Arari, na ilha do Marajó.

Segundo informações da Polícia Civil do Pará, Maria Pureza do Nascimento, avó da garota, e Roziele do Nascimento Barbosa, mãe da criança, são acusadas de acorrentar a vítima a uma cadeira e deixá-la no local durante o dia todo.

A ação policial foi iniciada após denúncia anônima. "Assim que chegamos ao local, encontramos a criança em situação de maus-tratos. De imediato, foi dada voz de prisão para as duas mulheres", relata o delegado Kleyson Azevedo.

As acusadas, Maria Pureza e Roziele do Nascimento, estão recolhidas na Unidade Integrada Propaz de Cachoeira do Arari à disposição da Justiça. As duas responderão por crime de cárcere privado e maus-tratos. A criança foi encaminhada ao Conselho Tutelar local.

As informações são da Polícia Civil do Pará.

(DOL)

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS