Diário Online

Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
23°
cotação atual R$
Polícia

PCdoB atribui morte de Senhorita Andreza à milícia

quinta-feira, 13/04/2017, 22:21 - Atualizado em 14/04/2017, 11:02 - Autor:


O Partido Comunista do Brasil (PCdoB) no Pará se manifestou sobre a morte de Andreza Ariane Castro de Souza, 22, mais conhecida como Senhorita Andreza, morta na noite desta quinta-feira (13). Por telefone, o partido disse ao DOL que atribui a morte de Andreza à ação de milícias.


De acordo com a direção do partido, a ação das milícias está dizimando os jovens negros e os pobres nas periferias de Belém, e tem como principal combustível a inércia do governo do Estado que perdeu o controle sobre a segurança pública.


Leia a nota na íntegra:


O Partido Comunista do Brasil no Pará e em Belém vem a público se solidarizar com a família de Andreza Ariani Castro, a Srta. Andreza, cruelmente assassinada na noite de 13 de abril em Belém. É mais uma vítima da violência que toma conta de nosso Estado e de nossa capital.


A sociedade não pode conviver com este clima de insegurança, intolerância e ódio, que vitima principalmente os mais pobres, que são ecpostos a todo tipo de privações de direitos e a todo tipo de violência. A nossa juventude, principalmente da periferia está entregue a violência e ao extermínio, seja do tráfico ou das milícias, que muitas vezes são associados.


Exigimos imediata apuração a mais esse crime e punição aos responsáveis.


Não ao extermínio de nossa juventude!Basta de violência e de assassinatos e chacinas pelas milícias!Solidariedade a família de Andreza!


Jorge PanzeraPresidente do PCdoB no Pará


Aroldo CarneiroPresidente do PCdoB em Belém


Leia também:



"O governo não tem mais controle sobre as milicias. O PCdoB repúdia a inércia do governo do Estado com os grupos paramilitares", disse o secretário de Comunicação do partido, Roony Oliveira.


Ainda segundo o PCdoB, Andreza procurou a Comissão de Justiça e Direitos Humanos da Assembleia Legislativa do Estado (Alepa) para denunciar as constantes ameaças que sofria.


A TATUAGEM DE PALHAÇO



(Foto: reprodução)


Uma tatuagem de palhaço com o rosto do personagem de quadrinhos Coringa, feita recentemente por Andreza, é apontada pelo partido como possível retaliação dos milicianos.


Na simbologia do crime, a tatuagem do palhaço é usada entre pessoas que apoiam ou cometem crimes contra policiais.


O partido se prontificou a dar todo o amparo para a família de Andreza.


Leia também:



(DOL)

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS