Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
26°
cotação atual R$

Notícias / Polícia

NORDESTE PARAENSE

Ferido em troca de tiros, morre segundo envolvido em morte de empresário

terça-feira, 23/06/2020, 09:48 - Atualizado em 23/06/2020, 09:48 - Autor: Tiago Silva


Jefferson Modesto trocou tiros com policiais militares, foi baleado e não resistiu aos ferimentos. Outro acusado já havia morrido, também após tiroteio com PMs.
Jefferson Modesto trocou tiros com policiais militares, foi baleado e não resistiu aos ferimentos. Outro acusado já havia morrido, também após tiroteio com PMs. | Divulgação

Morreu o segundo acusado de envolvimento em um assalto que ocasionou a morte de um empresário do município de São Francisco do Pará, no nordeste do estado. Jefferson Matos Modesto perdeu a vida após trocar tiros com policiais militares, que apreenderam ainda um revólver calibre 38, com uma munição intacta e outra deflagrada.

Empresário morre em acidente de carro após assalto

No início da noite de domingo (21), homens armados invadiram uma chácara, localizada no ramal do Laranjal, às proximidades da comunidade conhecida como Granja Marathon, zona rural de São Francisco do Pará, anunciando um assalto e pedindo a quantia de R$ 20 mil.

O empresário Luiz Cláudio Matos Barros, de 53 anos, dono do Supermercado Asa Branca, disse que não tinha dinheiro ali, mas que tinha em sua casa, localizada em São Francisco. Os criminosos pediram para que o comerciante fosse buscar o dinheiro em sua residência. No meio do caminho, os assaltantes souberam que a polícia havia sido acionada e aceleraram pela rodovia PA-320, Bateram em uma motocicleta ocupada por dois homens.

No momento do acidente, o empresário, que estaria sem o cinto de segurança, foi arremessado de seu carro, uma Hilux, e acabou morrendo na pista. Os dois homens que estavam na moto ficaram feridos e um dos assaltantes, identificado como Maycon Pinheiro do Nascimento, morreu após ser baleado em tiroteio com policiais militares.

Com Maycon foram apreendidas duas armas de fogo, sendo um revólver calibre 32 e uma espingarda de fabricação artesanal, ambos municiados.

COMOÇÃO

A morte do empresário causou grande comoção em São Francisco do Pará, onde era bastante conhecido. O corpo do comerciante foi sepultado na tarde de ontem, no cemitério de São Francisco do Pará. O caso está sendo investigado pela Polícia Civil, que tenta identificar e prender outros envolvidos no crime.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS