Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
23°
cotação atual R$

Notícias / Polícia

CRIMES

Preso é apontado como "Maníaco de Curuçá" por estupro de quatro mulheres

quinta-feira, 16/01/2020, 12:15 - Atualizado em 16/01/2020, 12:16 - Autor: Redação


Cristian Dias foi preso, alguns objetos recuperados e duas armas de fogo apreendidas, em Curuçá
Cristian Dias foi preso, alguns objetos recuperados e duas armas de fogo apreendidas, em Curuçá | Divulgação

Cristian Luis Amorim Dias, de 40 anos, foi preso na última terça-feira (14), acusado de estuprar quatro mulheres no município de Curuçá, nordeste do Estado. Ele era foragido do sistema penal e contra o acusado ainda pesavam outros crimes.

De acordo com a Polícia Civil, Cristian estava foragido desde 2016 e já foi encaminhado à penitenciária. Na casa do suspeito, a Polícia apreendeu uma arma de fogo e pertences das vítimas.

A PRISÃO

Conforme informou o Diário do Pará na edição de ontem (15), o acusado foi preso pela Polícia Militar pela acusação de vários roubos, ainda na terça-feira. Com ele estavam alguns objetos que foram recuperados e duas armas de fogo foram apreendidas.

Após pedido de apoio do delegado de Polícia Civil de Curuçá, que informou que um homem acusado de ter praticado vários roubos pelo município estava escondido em uma casa, situada na estrada do Arapiranga, policiais militares foram até o endereço informado e conseguiram localizar e prender Cristian.

Na residência, em que o acusado estava, foram encontrados dois botijões de gás, uma bicicleta, um aparelho de som e duas armas de fogo de fabricação artesanal. Já na delegacia de Curuçá, o acusado foi reconhecido por vítimas.

As vítimas disseram ainda que, durante suas ações criminosas, Cristian assediava as mulheres. O acusado ficou de ser autuado pelos crimes de roubo, receptação e posse ilegal de armas de fogo. As acusações, relativas às mulheres vítimas, ainda estão sendo apuradas pela polícia.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS