Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
28°
cotação atual R$

Notícias / Polícia

DIRIGIA CARRO DO BANDO

Preso um dos acusados de assalto a banco em São Domingos do Capim

domingo, 03/11/2019, 16:05 - Atualizado em 03/11/2019, 16:09 - Autor: Redação


Enoque era responsável por transportar os equipamentos para as explosões e dar apoio na fuga do bando
Enoque era responsável por transportar os equipamentos para as explosões e dar apoio na fuga do bando | Reprodução

Foi preso na tarde do último sábado (2), Enoque dos Santos Silva, acusado de participar do assalto à Agência do Banco do Brasil em São Domingos do Capim, município do nordeste paraense. A ação ocorreu na madrugadade sexta-feira (1º), na modalidade vapor também conhecida por Novo Cangaço.

Segundo a Polícia Civil, a prisão ocorreu no município de Peixe Boi, também no Pará às 16h no momento em que ele dirigia um veículo que transportou explosivos e integrantes da quadrilha.

OPERAÇÃO E PRISÃO

Logo após as explosões, policiais civis da Delegacia de Repressão a Roubos a Bancos e Antissequestro - DRRBA, vinculada à DRCO, se deslocaram até a região para início das investigações e somando esforços com Policiais Civis de São Domingos do Capim, Superintendência de Polícia Civil de Castanhal e policiais militares da Companhia de Operações Especiais (COE/PM) lograram êxito em identificar o núcleo criminoso responsável pelo crime.

Ainda de acordo com a PC, as equipes policiais passaram a levantar informações, sendo realizada a prisão de Enoque, que foi flagrado em um veículo volkswagen/gol prata no qual transportou parte dos armamentos e criminosos antes do crime, bem como prestaria auxílio no resgate de membros do bando.

 Após ser confrontado pelas informações obtidas em campo pelos policiais, o investigado confessou sua participação no crime, bem como revelou detalhes da atuação do grupo criminoso.

As investigações ainda contaram com o apoio da Superintendência de Polícia Civil de Capanema. As investigações continuam na busca de identificar os demais assaltantes e assim responsabilizá-los conforme os mandamentos legais.

(Com informações da Polícia Civil)

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS