Notícias / Pará

CERIMÔNIA

Governador começa a dar posse aos integrantes da sua equipe

Quinta-Feira, 03/01/2019, 07:18:38 - Atualizado em 03/01/2019, 07:22:43 Ver comentário(s)

EDIÇÃO ELETRÔNICA

Governador começa a dar posse aos integrantes da sua equipe (Foto: Irene Almeida/Diário do Pará)
Parte dos secretários e titulares de autarquias e companhias indicados por Helder tomou posse ontem (Foto: Irene Almeida/Diário do Pará)

Após assinar o ofício que solicita reforço da Força Nacional para o Estado, o governador Helder Barbalho deu posse a parte dos secretários de Governo e titulares de autarquias e companhias do Estado escolhidos para compor sua gestão. O ato de instalação do novo Governo foi realizado na manhã de ontem, no Palácio do Governo.

Cumprimentando cada um dos secretários presentes no momento do ato, Helder destacou a confiança empregada nos nomes escolhidos para compor o seu Governo e enumerou uma agenda de prioridades que deve acompanhar a sua gestão nesse primeiro momento. Além dos compromissos firmados em prol do fortalecimento da segurança pública, o governador destacou outros segmentos. “Tenho absoluta confiança de que possamos fazer chegar o quanto antes as mudanças desejadas pela sociedade”, afirmou. “A sociedade paraense tem pressa”.

No campo das obras públicas e de transporte, Helder sinalizou que já orientou as secretarias para que, prioritariamente, retomem as obras paralisadas, primando pela boa utilização dos recursos públicos. Na saúde o governador destacou a priorização da conclusão dos hospitais regionais e informou que, desde a quarta-feira, equipes da secretaria de Saúde já começaram a visitar os hospitais regionais para visualizarem as obras físicas e analisarem os contratos, seja de conclusão das obras ou de contratação de pessoal e equipamentos.

Na área educacional, o Governo pretende deslocar o protagonismo do núcleo central da Secretaria de Estado de Educação (Seduc) e passá-lo às direções regionais de ensino. Helder disse que, para isso, pretende realizar processos seletivos. “Temos 21 unidades regionais de ensino nesse Estado e faremos processo seletivo de escolha para os executivos das unidades regionais de ensino para estabelecer um novo padrão de qualidade para estes que implementarão planos isolados e integrados de educação”.


Carlos Maneschy, secretário de Ciência e Tecnologia (Foto: Irene Almeida/Diário do Pará)

EDUCAÇÃO

Secretária de Estado de Educação, Leila Freire destacou que cada unidade terá um planejamento próprio de acordo com o diagnóstico e estratégia de educação que serão implementados. “Faremos, nesse primeiro momento, um processo de escuta e ouvidoria, mas o plano é que tenhamos o fortalecimento das unidades regionais, cada uma com metas claras e bem definidas, que dialogam entre si, mas sempre com um ponto em comum: a garantia de direito de aprendizagem de cada aluno”.

Helder destacou o desafio enfrentado pela nova gestão diante das dívidas fiscais deixadas pela administração anterior. O governador anunciou que deve publicar, hoje, ofício com a determinação de contenção de gastos para a administração pública.

Destacando que deu autonomia para que o Secretário de Estado de Fazenda, René Sousa, revise os atos que foram realizados por seus antecessores, o governador criticou a forma como vinha sendo feito o processo de concessão tributário. Com relação à divida fiscal, Helder destacou que o desafio é grande.

“Estamos concluindo as verificações dos números das dívidas deixadas pelo Governo que se encerra e estes já chegam a R$1 bilhão de déficit fiscal. Nos próximos dias iremos sinalizar à sociedade quais serão os atos e iniciativas que faremos para enfrentar esse número que representa, na linha histórica do Estado, a pior situação de transição de um governo para o outro”, alertou.

(Cintia Magno/Diário do Pará)



Conteúdo Relacionado:





Comentários

Destaques no DOL