Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis


24°
R$

Notícias / Notícias Pará

Notícias Pará

Bandidos invadem e roubam agência bancária em Viseu

terça-feira, 06/11/2018, 10:58 - Atualizado em 06/11/2018, 20:30 - Autor:


Uma agência bancária do Banpará foi alvo de criminosos na manhã desta terça-feira (6) no município de Viseu, nordeste paraense. As informações são do comando da Polícia Militar de Bragança e da Polícia Civil.


"As agências foram alvos da modalidade chamada 'vapor'. Estamos enviando reforços daqui de Bragança, mas equipes de Belém e Capanema estão a caminho. Vamos tentar fazer o bloqueio das vias e aguardar mais equipes", disse por telefone o comando de Bragança ao DOL.


Já a Polícia Civil confirmou que se tratava apenas de uma agência, a agência do Banpará, e informou que cerca de dez homens armados em, pelo menos, três veículos, invadiram a sede do município e mantiveram mais de dez pessoas reféns na agência do Banpará. Minutos após a ação, os criminosos fugiram - não se sabe se foi levado algum valor em dinheiro ou uma das pessoas reféns.


Policiais civis da Superintendência da Polícia Civil de Capanema e da Unidade Integrada de Bragança estão no município para prestar apoio às investigações. Um helicóptero está em deslocamento para a cidade com policiais civis da Divisão de Repressão ao Crime Organizado (DRCO) e da Companhia de Operações Especiais (COE).


A modalidade cangaçp novo é realizada quando bandidos fortemente armados rendem todos na agência e, após roubarem o dinheiro, fogem do local com rapidez, com o objetivo de escaparem antes das forças policiais chegarem.


VEJA O VÍDEO:



Para retardar as buscas, os criminosos queimaram um veículo na ponte que liga a vila Curupati à cidade de Viseu. Duas guarnições do Grupo Tático Operacional (GTO) foram deslocadas da comunidade de Aturiaí, em Augusto Corrêa, à vila de Fernandes Belo, em Viseu. O sentido foi de reforçar o cerco aos criminosos, que teriam planejado utilizar um porto, na comunidade de Itamichira, como rota de fuga. Foram montadas barreiras em estradas vicinais da região e em trechos da BR 316.


Já distante da sede da cidade de Viseu, os criminosos, em dois veículos, confrontaram com militares do Batalhão de Bragança. Com o efeito surpresa produzido pela PM, e após a troca de tiros com os policiais militares, os criminosos abandonaram os veículos e se esconderam na mata. Os reféns foram liberados em seguida. Os assaltantes queimaram veículos na cabeceira de pontes como forma de criar mais obstáculos à operação policial. De dois a quatro veículos teriam sido utilizados no assalto.


Guarnições de batalhões vinculados ao Comando de Policiamento Regional 7, com sede em Capanema, assim como do Comando de Missões Especiais (CME) mantêm as buscas aos criminosos responsáveis pela ação criminosa.


A Polícia Militar cerca uma área de mata localizada na região da vila de Curupati, ainda no município de Viseu, sentido da divisa do Estado do Maranhão, no objetivo de localizar os responsáveis pelo assalto à agência e o baleamento de um guarda de segurança do estabelecimento bancário.


(DOL)

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS