Notícias / Pará

VÍTIMA DA VIOLÊNCIA

Sargento da PM é executado com tiros na cabeça

Quarta-Feira, 24/10/2018, 21:39:14 - Atualizado em 24/10/2018, 23:42:56 Ver comentário(s)

EDIÇÃO ELETRÔNICA

Sargento da PM é executado com tiros na cabeça (Foto: Reprodução)
(Foto: Reprodução)

O sargento da Polícia Militar João Batista Menezes Dias foi morto a tiros, na noite desta quarta-feira (24), na rua das Hortências, em uma invasão conhecida como Capucho, bairro do Tapanã, em Belém. 

Segundo informações levantadas pelo interativo da Polícia Militar no local, o policial chegava em casa acompanhado da esposa, quando os criminosos o abordaram e pediram para que ela se afastasse, efetuando em seguida vários disparos na cabeça de João Batista. Após o crime, os criminosos levaram a arma do PM. 

Ainda de acordo com a polícia, os assaltantes já sabiam que a vítima era policial. A esposa contou que assim que foi o casal foi abordado os criminosos falaram 'perdeu, polícia!'

Em nota, a PM informou que já tem informações dos suspeitos da autoria do latrocínio que vitimou o 2° sargento. Ele atuava no 1° Batalhão de Polícia Militar.

Várias guarnições do Comando de Policiamento da Capital e da Ronda Ostensiva Tática Metropolitana (ROTAM) fizeram o cerco em áreas do Tapanã, no sentido de localizar e prender os dois homens. Mas até a publicação da reportagem ninguém havia sido preso.

Com a morte do sargento, já são 50 agentes de segurança pública assassinados no Pará este ano.

(DOL)





Comentários

Destaques no DOL