Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis


29°
R$

Notícias / Notícias Pará

Notícias Pará

Restituição paga R$ 56 milhões a 40,5mil no Pará

sexta-feira, 07/09/2018, 08:56 - Atualizado em 07/09/2018, 08:56 - Autor:


A partir das 9h da próxima segunda-feira (10), estará disponível para consulta o quarto lote de restituição do IRPF 2018. O lote de restituição do Imposto sobre a Renda da Pessoa Física contempla também restituições residuais dos exercícios de 2008 a 2017.


No Pará, 40.591 contribuintes terão direito ao valor total de R$ 56.296.971,40. Em Belém, 27.137 contribuintes receberão R$ 41.182.782,56 ao todo. Já na 2ª Região Fiscal que engloba os estados do Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia e Roraima serão liberados, ao todo, R$ 123.776.322,45 para 92.529 contribuintes.


O crédito bancário para 2.646.626 contribuintes em todo o Brasil será realizado no dia 17 de setembro, totalizando o valor de R$ 3,3 bilhões. Desse total, R$219.264.666,31 referem-se ao quantitativo de contribuintes de que tratam o art. 16 da Lei nº 9.250/95 e o Art. 69-A da Lei nº 9.784/99, sendo 4.863 contribuintes idosos acima de 80 anos, 36.308 contribuintes entre 60 e 79 anos, 5.490 contribuintes com alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave e 18.409 contribuintes cuja maior fonte de renda seja o magistério.


PRAZO


A restituição ficará disponível no banco durante um ano. Se o contribuinte não fizer o resgate nesse prazo, deverá requerê-la por meio da Internet, mediante o Formulário Eletrônico - Pedido de Pagamento de Restituição, ou diretamente no e-CAC, no serviço Extrato do Processamento da DIRPF.


O QUE FAZER


Por ser um ganho extra, muitas pessoas acabam utilizando esse dinheiro de forma desordenada. Mas especialistas em educação financeira recomendam prudência. “A primeira preocupação das pessoas deve ser com as dívidas em atraso, especialmente no cheque especial e cartão de crédito. Estabeleça estratégia para eliminar o problema, ou seja, quitar a dívida e não pagar apenas parte dela. Se o valor não for suficiente, poupe para agir em um futuro próximo”, disse o educador financeiro Reinaldo Domingos. Mas, para quem não tem dívidas, o ideal é investir o dinheiro. Confira as dicas no box abaixo.



SERVIÇO


E SE O DINHEIRO NÃO CAIR?


Caso o valor não seja creditado, o contribuinte poderá contatar pessoalmente qualquer agência do BB ou ligar para a Central de Atendimento por meio do telefone 4004-0001 (capitais),0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos) para agendar o crédito em conta corrente ou poupança, em seu nome, em qualquer banco.


(Diário do Pará)

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS