Diário Online

Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
27°
cotação atual R$
VISITA PRESIDENCIAL EM BELÉM

Bolsonaro causa aglomeração e fila gigante por cesta básica

Protocolo divulgado hoje (23) pelo Ministério da Cidadania, prevê que Bolsonaro entregue apenas duas cestas básicas.

sexta-feira, 23/04/2021, 13:33 - Atualizado em 23/04/2021, 22:09 - Autor: Diario Online


População se aglomerou próxima a depósito à espera de alimentos
População se aglomerou próxima a depósito à espera de alimentos | REPRODUÇÃO

Recentemente, o Presidente da República, Jair Bolsonaro, deu a entender que Jesus Cristo cometeu um equívoco ao multiplicar e distribuir pães. Ainda assim, a agenda presidencial previa que Bolsonaro participaria de um evento de distribuição de alimentos, no bairro da Pratinha, em Belém.

O protocolo divulgado pelo Ministério da Cidadania, no entanto, prevê que Bolsonaro entregará apenas duas cestas básicas. Isso mesmo! 

Nesta sexta-feira (23), uma grande fila se formou em frente ao 8º Depósito de Suprimentos, localizado na  Rodovia Arthur Bernardes, em Belém, com milhares de famílias em busca de cestas básicas. 

Em um vídeo publicado no Twitter, é possível ver a fila quilométrica que se formou no local.

Algumas pessoas chegaram a fechar a via, quando foram informados que o presidente Jair Bolsonaro não iria entregar cestas básicas no local. 

Leia a nota divulgada pelo Ministério da Cidadania:

Nesta sexta-feira (23.04), o ministro da Cidadania, João Roma, realiza a entrega de cestas de alimentos a comunidades tradicionais do estado do Pará, como indígenas, quilombolas, pescadores e extrativistas. O ato acontecerá às 15h30 e contará também com a presença do superintendente da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), Gilberto da Silva. As autoridades entregarão cestas a duas famílias, em ato simbólico, representando os demais beneficiários e respeitando os protocolos de prevenção à Covid-19. Está prevista a presença do Presidente da República, Jair Bolsonaro.

A distribuição gratuita das cestas de alimentos faz parte das ações do Governo Federal para amenizar os impactos sociais e econômicos da pandemia do novo coronavírus a famílias em situação de vulnerabilidade social e é mais uma entrega da Iniciativa Brasil Fraterno, rede de solidariedade integrada por Ministério da Cidadania, Pátria Voluntária e Sistema S.



Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS