Diário Online

Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
29°
cotação atual R$
PRISÃO

Suspeito pela morte de agente penal e mais dois são presos

Trio foi detido no Aurá, após denúncias de roubo

sexta-feira, 23/04/2021, 07:36 - Atualizado em 23/04/2021, 09:04 - Autor: Com informações da Ag Pará


Bando foi preso após denúncias sobre roubos no local.
Bando foi preso após denúncias sobre roubos no local. | Divulgação

Os crescentes ataques a agentes penais no Pará vem se tornando uma preocupação para as autoridades que juntamente com o crescimento deste tipo de crime trabalham para prender os envolvidos. 

Lotado no Presídio Estadual Metropolitano I, em Marituba, região metropolitana de Belém, a morte do Edgar de Jesus Araújo, de 36 anos, ocorreu sem maiores explicações. Mas desde então, os suspeitos não tinham sido presos. O crime ocorreu em Bujaru, nordeste do Pará.

Quase um mês após o fato, um bando foi preso com posse da arma que pertencia a Edgar. Um dos suspeitos de envolvimento no assassinato do agente de segurança foi identificado no inquérito policial feito pela Delegacia de Homicídios contra Agentes Públicos (DHAP). Contra ele foram expedidos dois mandados de prisão preventiva, por crimes cometidos em Bujaru. O policial penal foi assassinado no último dia 15 de março.

 

Arma do agente penal morto dia 15 de março.
Arma do agente penal morto dia 15 de março. Divulgação
 

Com ele, estavam mais dois homens, todos presos no bairro do Aurá, em Ananindeua (Região Metropolitana de Belém). A diligência iniciou após os policiais receberem denúncias nesta quinta-feira (22), de que um veículo Gol prata estava sendo utilizado em assaltos na área. Na abordagem, os policiais encontraram uma arma de fogo com os suspeitos.

A ação policial que resultou nas prisões foi comandada por equipes do Núcleo de Inteligência da Polícia Civil (NIP) e da Coordenadoria de Recursos Especiais (Core). Os presos foram encaminhados ao sistema penitenciário e estão à disposição da Justiça.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS