Diário Online

Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
24°
cotação atual R$
FORÇAS ARMADAS

Jovens nascidos em 2003 têm até final de junho para realizar o alistamento militar

Nos estados do Pará, Amapá, Maranhão e norte do Tocantins, área de responsabilidade do Comando Militar do Norte, a 8ª Região Militar projeta alistar 13.400 pessoas

quinta-feira, 11/03/2021, 16:57 - Atualizado em 11/03/2021, 16:56 - Autor: Com informações do Comando Militar do Norte


Imagem ilustrativa da notícia Jovens nascidos em 2003 têm até final de junho para realizar o alistamento militar
| Antonio Cruz/ Agência Brasil

Os brasileiros do sexo masculino que completam 18 anos em 2021, ou seja, todos os nascidos em 2003, têm até o dia 31 de junho para realizar o Alistamento Militar nas Forças Armadas.

Os jovens têm três meios para cumprir com sua obrigação: via online pelo aplicativo Exército Brasileiro (disponível para celulares Android e iOS), pelo site; e, presencialmente, na Junta do Serviço Militar do município que reside. Considerando as questões de isolamento social e respeito às questões sanitárias em face da pandemia do COVID-19, recomenda-se que os jovens se valham da ferramenta do alistamento pela internet. 

Nos estados do Pará, Amapá, Maranhão e norte do Tocantins, área de responsabilidade do Comando Militar do Norte, a 8ª Região Militar projeta alistar 13.400 pessoas. Em agosto, as Comissões de Seleção iniciam a triagem do contingente que entrará como Serviço Militar Obrigatório nas Forças Armadas, de acordo com as diretrizes da Diretoria do Serviço Militar. Em caso de dúvidas, os jovens podem procurar o quartel do Exército Brasileiro mais próximo. 

Em 2022, cerca de 1.500 brasileiros serão incorporados na Marinha do Brasil, Exército Brasileiro e Força Aérea Brasileira na área da 8ª Região Militar. Além de obrigação com a justiça brasileira e quitar as obrigações com o Serviço Militar, o Alistamento Militar é uma oportunidade para os jovens complementarem o processo de socialização.

Nas Forças Armadas, o jovem desenvolve e consolida os valores morais e éticos, de estímulo ao acatamento das leis e das instituições. Ele também tem a oportunidade de se especializar em uma profissão por intermédio de cursos profissionalizantes, além de servir ao Brasil, contribuindo para a manutenção da soberania nacional.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS