Diário Online

Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
26°
cotação atual R$
RECURSOS

Jader prioriza a saúde na indicação de emendas ao orçamento

Senador destinou o montante relacionado ao setor da saúde para ações ligadas à pandemia do novo coronavírus. Veja as emendas indicadas por Jader Barbalho ao Orçamento Geral da União

domingo, 28/02/2021, 08:28 - Atualizado em 28/02/2021, 11:00 - Autor: Luiza Mello/Diário do Pará


Senador Jader: “Diante do quadro de recrudescimento da pandemia da Covid-19, a prioridade deve ser a saúde”
Senador Jader: “Diante do quadro de recrudescimento da pandemia da Covid-19, a prioridade deve ser a saúde” | Divulgação

Todos os anos o Congresso Nacional propõe emendas ao Orçamento Geral da União, que é enviado pelo Poder Executivo ao Congresso anualmente. Em formato de lei - a Lei Orçamentária Anual (LOA) – apresenta propostas por meio das quais os parlamentares podem opinar ou modificar a alocação de recursos públicos em função de propostas acertadas com prefeitos e governadores dos estados que representam. Sendo assim, as bancadas da região Norte, por exemplo, que sofrem de forma mais intensa os efeitos da pandemia do coronavírus, podem indicar, por exemplo, mais recursos para a área da saúde.

Também são atendidas instituições que normalmente solicitam apoio aos senadores e deputados, como é o caso, por exemplo, da reforma e melhorias do Colégio Militar e do Hospital da Aeronáutica em Belém, entre outras ações. Cada parlamentar (senador ou deputado) pode apresentar emendas que somem R$ 16.279.986,00, sendo que R$ 8.139.994,00 devem ser obrigatoriamente destinados à área da Saúde.

O senador Jader Barbalho (MDB-PA) destinou o montante relacionado à saúde para o reforço de recursos para emergência internacional em saúde pública, ou seja, para ações ligadas à pandemia do novo coronavírus. O senador indica também mais recurso para o incremento temporário dos serviços de atenção primária à saúde e para o custeio dos serviços de assistência hospitalar e ambulatorial.

“Considerando as ações necessárias para o enfrentamento da pandemia do coronavírus em nosso Estado, e a dramática situação da saúde pública, que está a absorver todo o impacto de uma luta que completou um ano, com mais de 250 mil mortos em todo o país, entendo que a prioridade neste momento deve ser a saúde, incluindo recursos que permitam ao governador do Pará comprar mais vacinas para imunizar a população”, acentuou. “Diante do quadro de recrudescimento da pandemia da Covid-19, a prioridade deve ser a saúde, porque a situação é grave e é imprescindível salvar vidas e retomar as atividades econômicas”.

Jader também está destinando recursos para os municípios, com a indicação de cerca de 5 milhões, recurso descrito como “transferências especiais”, nova modalidade que ocorre quando um parlamentar encaminha recursos para um governo estadual ou para uma prefeitura sem destinação definida, segundo a Emenda Constitucional nº 105/2019, aprovada em 2019. Ainda dentro dessa modalidade, Jader indicou R$ 1 milhão para o Centro de Perícias Criminais Renato Chaves.

Foram indicadas pelo senador emendas para duas instituições federais de ensino. Para a Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (Unifesspa), indicou R$ 1 milhão para dar continuidade à construção do prédio de laboratórios na unidade III do campus de Marabá. O senador já havia indicado por emenda individual, o valor de um milhão, que permitiu o início das obras de construção do novo Bloco de Laboratórios Multidisciplinares da Universidade.

Para a Universidade Federal Rural da Amazônia (Ufra), Jader indicou R$ 200 mil para manter o Curso de Aperfeiçoamento em Transtorno do Espectro do Autismo na unidade, curso esse que já formou 430 professores da educação básica em seis municípios do Pará: Paragominas, Parauapebas, Capanema, Capitão Poço, Tomé-Açu e Belém.

Outros R$ 500 mil foram indicados para a construção do refeitório do Colégio Militar de Belém. O senador tem indicado emendas para a reforma de todo o prédio que abriga o Colégio Militar. “Educação deve ser sempre prioridade. Sem ela, tiramos as oportunidades de criar cidadãos e cidadãs de forma igualitária. Quando um país não oferece educação de qualidade para suas crianças, para os jovens e para a juventude que quer expandir seus conhecimentos, fecham-se as portas não apenas para as oportunidades de trabalho, mas sobretudo para garantir a cidadania. Por essa razão, educação está sempre entre as minhas prioridades”, ressalta o senador.

Outras unidades militares que receberam indicação de emenda do senador são: a Marinha do Brasil, para manutenção da Operação do Sistema de Gerenciamento da Amazônia Azul; e a Aeronáutica, que recebeu a atenção do senador Jader para solicitação feita para executar obras de estruturação e modernização do Hospital da Aeronáutica de Belém.

EMENDAS

Tão logo seja votada e aprovada a Lei Orçamentária Anual (LOA), o que deve acontecer no final do mês de março, começa o prazo para que sejam indicadas as emendas individuais. Cada parlamentar poderá apresentar emendas individuais impositivas ao Orçamento de 2021 no total de R$ 16.279.986, divisível em até 25 sugestões de execução obrigatória.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS