Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
24°
cotação atual R$

Notícias / Notícias Pará

PROTESTO

Ato homenageia professor encontrado morto em apartamento em Belém 

O corpo de Francinei Monteiro foi encontrado na noite do último domingo (10) em um prédio na Pedreira

quarta-feira, 13/01/2021, 13:01 - Atualizado em 13/01/2021, 13:48 - Autor: Com informações Marcos Aleixo/RBATV


O ato foi realizado em frente a escola Josino Viana
O ato foi realizado em frente a escola Josino Viana | Reprodução/Facebook

Familiares, amigos, colegas de trabalho e membros do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras em Educação Pública (Sintepp) realizaram nesta quarta-feira (13), um ato em homenagem ao professor Francinei Monteiro, que foi encontrado morto em um apartamento, na travessa Doutor Freitas, bairro da Pedreira, em Belém. 

O momento além de ter sido para prestar homenagens ao profissional e ser humano, foi também para pedir celeridade nas investigações, para que o autor do crime seja identificado e preso.

 

 Ato pediu atenção à investigação do crime. (Foto: reprodução Max Costa/Facebook)

O ato foi realizado em frente a escola Josino Viana, que fica na travessa Lomas Valentina, no bairro da Pedreira.

Suspeito

Um suspeito de envolvimento no caso foi detido na última segunda-feira (11), mas a Polícia Civil ainda não confirmou a relação dele com a morte do educador.

O órgão informou através de nota que "um suspeito está sendo apresentado pela Polícia Militar, na sede Divisão de Homicídios" e que "as autoridades policiais ainda estão fazendo a verificação se ele, de fato, seria o autor do crime".

Vídeo: jovem é ouvido sobre morte de professor na Pedreira e liberado em seguida

Entenda

Franciei Monteiro morava sozinho no 12º andar de um prédio e não era visto há alguns dias. O corpo do educador foi encontrado na noite do último domingo (10).

Vizinhos acionaram as autoridades após sentirem um forte odor que exalava do apartamento de Francinei. A polícia encontrou o corpo da vítima com as mãos amarradas e em estado de putrefação. 



Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS