Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
30°
cotação atual R$

Notícias / Notícias Pará

JURUTI

Mulher é presa com mais de 10kg de drogas no Pará 

O flagrante aconteceu quando a acusada desembarcava no porto do município. Ela portava, além das drogas, segundo os policiais militares que fizeram a detenção, dinheiro e um celular

segunda-feira, 16/11/2020, 10:35 - Atualizado em 16/11/2020, 11:59 - Autor: J.R Avelar


A acusada foi identificada como Larissa da Cruz Coelho. Nas imagens, os entorpecentes apreendidos pelos policiais militares
A acusada foi identificada como Larissa da Cruz Coelho. Nas imagens, os entorpecentes apreendidos pelos policiais militares | Divulgação

Larissa da Cruz Coelho foi presa em flagrante, no último final de semana, quando transportava mais de 10 kg de entorpecentes e o desembarcava em um porto na cidade de Juruti, na região oeste do Pará.

Segundo as informações fornecidas por policiais militares, eles identificaram a acusada, que ficou nervosa ao vê-los. Isso chamou ainda mais a atenção dos PMs.

Ela foi abordada, identificada e, em seguida, questionada. E então apresentou versões que não convenceram os policiais. Eles pediram permissão para revistar os pertences dela.

Nervosismo da acusada chamou a atenção dos PMs

O nervosismo de Larissa da Cruz Coelho tinha um motivo: ela transportava 10,638kg de substância entorpecente, sendo 8,980Kg de “skunk” (A popular “supermaconha”) e 1,658kg aparentando ser pasta base de cocaína, além de R$ 831,50 em dinheiro e um telefone celular.

Os policiais militares, diante da materialidade do flagrante, conduziram Larissa até a delegacia de Polícia Civil de Juruti, onde foi autuada pelo crime previsto na artigo 33 da Lei 11.343/2006, que versa sobre o tráfico ilícito de entorpecentes.

Após os trâmites na delegacia, o delegado responsável pelo flagrante representou ao juízo da Comarca a conversão do auto em flagrante em prisão cautelar, que foi deferida. Larissa foi encaminhada a um presídio feminino na região.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS