Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
27°
cotação atual R$

Notícias / Notícias Pará

SOLIDARIEDADE

Fundação Hemopa envia 140 bolsas de sangue para o Amapá

O Hemopa lançou a campanha 'S.O.S Amapá' e mobilizou doadores de sangue para suprir a necessidade do Hemocentro amapaense

quinta-feira, 12/11/2020, 18:27 - Atualizado em 12/11/2020, 18:27 - Autor: Agência Pará


| Wagner Santana/Ag. Pará

Paulo Coelho é doador há mais de 20 anos, e esta semana, aproveitou a folga do trabalho para cumprir com o seu papel de cidadão solidário. "Cheguei aqui no Hemopa, me deparei com a campanha a favor do Estado do Amapá, e eu fiquei muito feliz em poder ajudar os nossos irmãos de lá", disse o pintor de prédios. Ele é um entre dezenas de pessoas que aderiram à iniciativa da Fundaão Hemopa. Nesta sexta-feira (13), a Fundação Hemopa enviará 140 bolsas de sangue para o Hemocentro do Amapá.

Nos dias 10 e 11 de novembro, o Hemopa lançou a campanha 'S.O.S Amapá' e mobilizou doadores de sangue para suprir a necessidade do Hemocentro amapaense, diante do estado de calamidade do Estado por causa do incêndio que atingiu a subestação de energia elétrica localizada na Zona Norte de Macapá e deixou a população sem luz.

"O povo paraense é muito solidário. Todos os hemocentros do Brasil estão com baixa de comparecimentos de voluntários por causa da pandemia. A luta para manter o estoque é diária. Mas a situação do Amapá é extrema e por isso decidimos ajudar o Estado vizinho. Temos que nos dar as mãos para não deixar que o atendimento transfusional seja abalado", destacou Paulo Bezerra, presidente da Fundação Hemopa.

Para arrecadar bolsas de sangue a mais para o Amapá, a Fundação Hemopa intensificou a captação de doadores na três unidades fixas da Região Metropolitana de Belém (RMB) e nas campanhas externas, com a unidade móvel.

Reginaldo Silva é soldador e tem 51 anos e também atendeu ao chamado do Hemopa. "Sabemos que caiu o número de doações então eu vim fazer a minha parte".

De acordo com a diretora Técnica do Instituto de Hematologia e Hemoterapia do Amapá (Hemoap), Hellen Bitencourt, a unidade teve que ficar quatro dias sem funcionar por causa da falta de energia elétrica. E esta doação será essencial para o atendimento transfusional do Estado.

"Recebemos com muita alegria e gratidão. Somos Estados vizinhos e saber que em um momento desses, vocês se prontificaram em ajudar com uma campanha e destinar as doação para o nosso Estado é um momento ímpar para a história da hemorrede. Todos os Hemocentros estão passando por um momento delicado, com baixas dos estoques e mesmo assim vocês, imediatamente, se prontificaram em ajudar. A população amapaense será eternamente grata por esse momento", destacou a diretora técnica Hemoap, Hellen Bitencourt.

A Fundação Hemopa ressalta que a dificuldade de coleta de sangue continua diante do cenário da pandemia. Por isso, a presença e mobilização de doadores de sangue é essencial. Toda pessoa com hábitos saudáveis pode ser um doador de sangue.

Critérios básicos para ser um doador:

Ter entre 16 e 69 anos (menores de idade devem estar acompanhados do responsável legal);Pesar acima de 50 kg;Estar em boa condições de saúde;Apresentar um documento de identificação oficial, original e com foto (RG, CNH, Passaporte ou Carteira de Trabalho).

Quem teve Covid-19 é necessário esperar 30 dias após a cura para doar. E quem teve contato com pessoas que tiveram Covid-19, deve esperar 14 dias após o último contato.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS