Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
30°
cotação atual R$

Notícias / Notícias Pará

EDUCAÇÃO

Aulas do EnemPará serão transmitidas pela TV Cultura

Programação começa na próxima segunda-feira (28) na emissora da Fundação Paraense de Radiodifusão (Funtelpa), das 17h30 às 19h

sexta-feira, 25/09/2020, 14:07 - Atualizado em 25/09/2020, 14:07 - Autor: Agência Pará


Os estudantes terão acesso às aulas da plataforma EnemPará a partir da próxima segunda-feira (28).
Os estudantes terão acesso às aulas da plataforma EnemPará a partir da próxima segunda-feira (28). | Reprodução

Há três meses os estudantes paraenses contam com uma nova ferramenta para manter a rotina de estudos mesmo diante do cenário de incertezas provocado pela pandemia e, a partir da próxima segunda-feira (28), por iniciativa do Governo do Estado, os alunos da rede pública de ensino que este ano concorrem a uma vaga nas universidades por meio do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) poderão assistir às principais aulas da plataforma EnemPará por meio da TV Cultura, emissora da Fundação Paraense de Radiodifusão (Funtelpa). 

A plataforma Enem Pará é desenvolvida em parceria pela Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Educação Superior, Profissional e Tecnológica (Sectet) e Secretaria de Estado de Educação (Seduc), com apoio do Parque de Ciência e Tecnologia Guamá (PCT Guamá) e da Universidade Federal do Pará (UFPA).

No ambiente virtual são disponibilizadas mais de mil videoaulas, além de simulados, exercícios, avaliações de desempenho e aulas ao vivo. Atualmente sete mil alunos estão cadastrados na plataforma, com uma média de 800 sessões de acesso por dia. A maioria dos estudantes é de Belém, Ananindeua e Santarém.

“A participação dos estudantes foi bem acima das expectativas que nós tínhamos projetado originalmente. É um material muito bem preparado, todo idealizado com uma linguagem mais afeita à comunidade jovem, que vive mesmo a realidade da internet e dos meios digitais para, ao mesmo tempo, ter capacidade de atração para os jovens e responder ao aspecto pedagógico que cobre toda a programação que é exigida no Enem”, explica o titular da Sectet, Carlos Maneschy.

O titular da Sectet lembra que há dificuldades com problemas de conexão, entretanto, ele afirma que a plataforma está preparada para atender ainda mais estudantes. ”Claro que temos dificuldades com questões de internet que é um problema no estado do Pará, mas agora o EnemPará também vai usar a TV Cultura e assim conseguiremos ampliar o nosso campo de atração para os interessados em realizar o Enem este ano”.  

Leia mais:

Homens que estavam em moto morrem após serem atingidos por roda de caminhão

Irmão de prefeito mata candidato a vereador durante live; veja o vídeo!

Aplicativo EnemPará

As aulas pela TV Cultura serão veiculadas de segundas a sextas-feiras, das 17h30 às 19h. E em breve, será lançado o aplicativo EnemPará que permitirá aos estudantes assistirem às aulas mesmo no modo off-line, ou seja, sem precisar da internet no momento do acesso. 

Além disso, a plataforma contará agora com um novo visual que trará ainda mais melhorias para os alunos, entre elas, a inclusão de um método de acompanhamento dos estudantes, em que será possível contabilizar os exercícios, as aulas concluídas e montar um ranking de melhor desempenho entre os alunos. A segunda melhoria é a organização de disposição dos conteúdos, com fácil visualização das videoaulas, das apresentações e dos materiais complementares.

Outra mudança é o próprio processo de análise dos inscritos, que foi automatizado para que os alunos obtenham acesso mais rápido à plataforma. Também foram inclusos indicadores com os quais o usuário terá noção do status de conclusão das atividades individuais e uma espécie de recomendação para que ele consiga se organizar melhor na conclusão de cada atividade.

Administrativamente, será possível extrair relatórios diversos sobre alunos, como de onde estão se conectando, que tipo de rede estão usando, além de ser possível observar como está o desempenho dos alunos por município.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS