Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
26°
cotação atual R$

Notícias / Notícias Pará

NA ESCURIDÃO

Ruas da capital paraense estão abandonadas sem iluminação pública

quinta-feira, 03/09/2020, 07:48 - Atualizado em 03/09/2020, 07:48 - Autor: Alexandre Nascimento/Diário do Pará


Em trechos da Lomas Valentinas, luz só dos veículos.
Em trechos da Lomas Valentinas, luz só dos veículos. | Antônio Melo/Diário do Pará

Todos os meses, a Prefeitura de Belém recebe a taxa de iluminação pública nas contas de luz. Mas, muitos pontos da cidade são mal iluminados e oferecem riscos aos transeuntes que passam por esses locais. A equipe do DIÁRIO percorreu alguns desses pontos. Entre os trechos percorridos, a rua Paes de Sousa, entre as avenidas José Bonifácio e Castelo Branco, no Guamá, que sofre com a falta de iluminação pública.

A travessa do Chaco, entre as avenidas 25 de setembro e Almirante Barroso, no bairro do Marco, também é totalmente carente de iluminação pública nos postes. A situação só não é pior devido os holofotes de dois órgãos governamentais que ficam no local. Ainda no bairro do Marco, na travessa Lomas Valentinas entre as avenidas Almirante Barroso e João Paulo II, o mesmo cenário de escuridão é encontrado. Nesse último endereço citado, por exemplo, a moradora Maria Ramos relembra que no final de julho passado, um assaltante se aproveitou da falta de iluminação para assaltar uma mulher que havia acabado de sair do trabalho. “A sorte da vítima foi que conseguiram pegar o assaltante e tomar as coisas dela de volta e ele ainda levou um tiro do marido dela”, relembra a moradora.

Leia mais:

Documentos mostram que Zenaldo pagou quase R$1 milhão antecipado por máscaras

Obra de Zenaldo no Porto do Açaí que custou R$ 4 milhões segue sem conclusão

Em nota, a Secretaria Municipal de Urbanismo (Seurb) informou que enviará equipe aos locais mencionados para verificar a situação. “O Departamento de Iluminação Pública executa, diariamente, o serviço de manutenção de lâmpadas e luminárias, em vias, logradouros, feiras, mercados e praças”, informou. O trabalho é feito com base em rondas e solicitações na sede do órgão ou por meio do atendimento do telefone 0800 400 0300, de segunda a sexta-feira, de 8h às 21h, e, aos sábados, de 8h às 14h.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS