Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
28°
cotação atual R$

Notícias / Notícias Pará

SAÚDE

Ananindeua recebe 600 testes rápidos de HIV, sífilis e hepatites, nesta sexta-feira (31)

quinta-feira, 30/07/2020, 22:14 - Atualizado em 30/07/2020, 22:14 - Autor: Diario Online


Ações foram realizadas durante todo o mês de julho
Ações foram realizadas durante todo o mês de julho | Victória Botelho

Mais de 600 testes rápidos de HIV, sífilis e hepatites B e C serão disponibilizados a população de Ananindeua, nesta sexta-feira (31), no Terminal Rodoviário de Ananindeua, de 8h às 12h. A ação é alusiva ao Julho Amarelo, mês de combate às hepatites virais, e realizada pela Prefeitura de Ananindeua, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Sesau).

Além disso, cerca de 30 profissionais envolvidos na ação, também irão fazer a verificação de pressão arterial, temperatura, saturação de oxigênio e vacinação contra a hepatite B, sarampo e outras doenças. A população também poderá ter acesso a orientações de profissionais da saúde e assistentes sociais da Sesau sobre as hepatites e também sobre a covid-19, tabagismo, hanseníase e tuberculose. Kits de preservativos e informativos sobre infecções sexualmente transmissíveis (ISTs) serão distribuídos aos que comparecerem ao Terminal. 

De acordo com o Secretário Municipal de Saúde, Paulo Campos, o objetivo da ação é oferecer serviços para todos e facilitar o acesso à saúde para a população. Segundo o coordenador da IST/HIV/AIDS e Hepatites Virais, Daniel Lopes, com as ações realizadas pela prefeitura, foram detectados vários casos e os tratamentos foram iniciados imediatamente. "Há muitos casos destas doenças no município. Devemos justamente iniciar o tratamento e direcionamento o mais precoce possível, pois há doenças com cura. Devemos detectar o mais rápido possível", disse.

Ao todo, foram realizadas 12 ações voltadas para o combate das hepatites virais apenas em julho, além da testagem de quase 1.500 cidadãos. 

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS