Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
32°
cotação atual R$

Notícias / Notícias Pará

MARAJÓ

Ministra Damares cancela vinda ao Pará por causa do coronavírus

quinta-feira, 30/07/2020, 15:51 - Atualizado em 30/07/2020, 15:51 - Autor: Com informações da assessoria


| Valter Campanato/Agência Brasil

A ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, cancelou sua ida ao município de Breves, no Pará, que ocorreria nesta sexta-feira (31). A decisão foi tomada após vir a público a informação de que a primeira-dama, Michelle Bolsonaro, com quem a ministra Damares Alves teve contato nesta quarta-feira (29), testou positivo para a Covid-19.

De acordo com informações da assessoria, a ministra não apresenta sintomas, mas por precaução realizará exame de detecção o quanto antes. A solenidade de entrega simbólica de 12,5 mil cestas básicas para as populações do arquipélago de Marajó está mantida para manhã desta sexta-feira (31), marcando o início da segunda fase da Operação Pão da Vida. Além de Breves, serão contempladas as populações de Melgaço e Portel. Juntos, os entes federativos reúnem aproximadamente 180 mil pessoas.

Na fase 2 da ação, que integra o programa Abrace o Marajó, serão distribuídas 12,5 mil cestas básicas — 5,5 mil para Breves; 3 mil para Melgaço; e 4 mil para Portel. Entre os itens de proteção e higiene, estão inclusas 5 mil máscaras, 3,5 mil escovas de dentes e cerca de 1,8 mil caixas de sabonetes. Cada caixa contém 108 unidades, totalizando quase 190 mil sabonetes.

As doações são fruto do apoio de empresários e outros membros da sociedade civil e do terceiro setor, a maioria do estado de São Paulo, com destaque para a Virada Feminina. O movimento visa a contribuir com os desafios enfrentados pelas pessoas em áreas como saúde, inclusão social e enfrentamento à violência.

O Abrace o Marajó ainda conta com parceiros do governo, como o programa Pátria Voluntária, do Ministério da Cidadania, e o Ministério da Defesa, que presta suporte logístico por meio da Marinha do Brasil.

A terceira fase da operação está prevista para acontecer até o final de agosto, contemplando mais quatro municípios. Até o final de outubro, todos os 16 municípios do arquipélago serão beneficiados.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS