Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
25°
cotação atual R$

Notícias / Notícias Pará

TRATAMENTO

Evento marca Dia Mundial de Combate ao Câncer de Cabeça e Pescoço

sexta-feira, 24/07/2020, 08:05 - Atualizado em 24/07/2020, 08:09 - Autor: Denilson D’Almeida


| Divulgação

Na próxima segunda-feira (27), Dia Mundial de Combate ao Câncer de Cabeça e Pescoço, médicos e diversas instituições ligadas a Saúde estarão reunidas para mais um debate sobre a importância do diagnóstico precoce da doença, que acomete cerca de 43 mil brasileiros todos os anos e é a causa de aproximadamente dez mil mortes no país.

A programação marca o encerramento da campanha Julho Verde, que visa chamar a atenção da sociedade para este tipo de câncer que é o segundo mais frequente entre os homens e mulheres.

Por causa da pandemia de Covid-19, a programação este ano será virtual, sendo transmitida pelo site e redes sociais da Sociedade Brasileira de Cirurgia de Cabeça e Pescoço (SBCCP). Com isso, mais pessoas poderão participar do ciclo de palestras. Em 2020, a campanha nacional chega a quarta edição.

A médica cirurgiã de cabeça e pescoço, Deise Cibele Almeida, do Centro Integrado de Oncologia, ressalta que são vários os fatores de risco que contribuem para a incidência da doença. Por isso, é importante que todos fiquem atentos aos sintomas e busquem levar uma vida saudável – já que este é o principal caminho para tentar se prevenir do câncer de cabeça e pescoço. “Fatores genéticos (histórico da doença na família), exposição ao sol, má alimentação e má higienização oral também são fatores de risco”, enumera.

ÁREAS DO CORPO

É considerado câncer de cabeça e pescoço o câncer que atinge boca, língua, amigdalas, faringe, laringe, gengivas, esôfago ou tireoide. Entre os sintomas mais comuns – e que as pessoas devem ficar atentas – está o aparecimento de manchas vermelhas ou brancas na boca; aparecimento de aftas, lesões (ou ferimentos) nos lábios que não cicatrizam; rouquidão; nódulos no pescoço; dificuldades paraengolir e mudança na voz.

Caso qualquer anormalidade dessas persistam por mais de 15 dias, o recomendável é procurar um médico para avaliar o quadro e buscar o diagnóstico.

“As manchas, o ferimento na boca, é visível a olho nu quando a pessoa vai escovar os dentes ou fazer a higienização bucal”, pontua Deise. “O HPV também é considerado um fator de risco”, acrescenta.

A médica especialista convida a população a acompanhar as palestras que vão ser realizadas nas plataformas virtuais e por meio do site da SBCCP.

A campanha deste ano adota o slogan “O Câncer tá na cara, mas às vezes você não vê!”, seguido da frase: “Seu Corpo é Sua Vida. Não o Destrua!”, abordando diversas temáticas, como a pandemia, alimentação saudável, tabagismo, sedentarismo, entre outros fatores.

Entre as formas de prevenção que a médica cirurgiã de cabeça e pescoço indica está o uso de protetor solar, o cuidado com a alimentação, evitar o uso de alimentos industrializados, dormir bem, evitar o tabagismo e manter a imunidade fortalecida. “Tudo o que envolve uma vida saudável é fundamental para evitar o câncer”, resume.

Como participar

Acesse o site e assista.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS