Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
31°
cotação atual R$

Notícias / Notícias Pará

EDUCAÇÃO

Seduc e Unicef se unem no combate ao abandono escolar

segunda-feira, 29/06/2020, 17:59 - Atualizado em 29/06/2020, 17:59 - Autor: Agência Pará


Manter os alunos em sala de aula é o objetivo da iniciativa da Seduc e do Unicef
Manter os alunos em sala de aula é o objetivo da iniciativa da Seduc e do Unicef | Agencia Para / Arquivo

Profissionais que atuam na rede estadual de ensino têm até esta segunda-feira (29) para se inscrever no curso Busca Ativa Escolar na Prática. Promovido pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), em parceria com a Secretaria de Estado de Educação (Seduc), o curso objetiva qualificar o trabalho de gestores e técnicos para evitar a exclusão escolar. Desde 2019 o Unicef mobiliza agentes sociais de diversas frentes de atuação para garantir a matrícula ou a rematrícula de crianças e adolescentes, a fim de combater a evasão escolar.

Realizada na modalidade a distância (EAD), a formação é dividida em módulos de acordo com as funções desempenhadas por cada segmento envolvido na busca ativa escolar, e aborda diversos temas importantes para qualificar o trabalho das equipes.

Problema nacional

A evasão escolar é um dos maiores problemas enfrentados pela rede pública de ensino em todo o Brasil. O Pará é o quinto estado da Federação no ranking de alunos fora da escola. Desde 2019, a Seduc reforça a busca ativa em todas as 927 escolas da rede estadual. “A ação da busca ativa será imprescindível para a volta às aulas. Por meio desse curso todos aprendem que, além da educação, toda a comunidade – escola, Conselho Tutelar, família, colegas e outros segmentos - pode contribuir para resgatar o aluno”, ressalta a coordenadora de Ações Educacionais Complementares da Seduc, Giovana Costa. Segundo ela, o curso introduz um novo olhar sobre o tema, mostrando que a busca ativa não é “obrigação restrita à escola”.

A Seduc está mobilizando toda a rede para garantir o máximo de participação. Além de reforçar o papel das unidades de ensino na garantia ao aluno do direito à aprendizagem, educadores e técnicos também poderão atuar como multiplicadores da ação.

O curso é gratuito e terá certificado de 40 horas. As inscrições podem ser feitas pelo link crescendojuntos.org.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS