Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
30°
cotação atual R$

Notícias / Notícias Pará

RELIGIÃO

Fiéis de Icoaraci fazem homenagens adaptadas para São João 

quinta-feira, 25/06/2020, 08:04 - Atualizado em 25/06/2020, 08:08 - Autor: Alexandra Cavalcanti


A imagem percorreu as ruas do distrito em cima de um carro e foi recebida no mercado
A imagem percorreu as ruas do distrito em cima de um carro e foi recebida no mercado | Irene Almeida

A festividade de São João Batista, no Distrito de Icoaraci, em Belém, foi celebrada com missas e carreatas, ontem (24). Ao contrário dos outros anos, dessa vez a participação dos fiéis foi reduzida, por conta da pandemia causada pelo novo coronavírus. O tradicional arraial, os leilões e as procissões foram suspensos.

As celebrações começaram logo nas primeiras horas da manhã com missa na Igreja São João Batista celebrada pelo padre Agostinho Cruz. “Estamos com um número reduzido de pessoas participando das missas. A capacidade de cerca de 700 pessoas foi reduzida para 150 para que possamos seguir todos os cuidados com saúde recomendados”, explicou o padre.

Moradores assistiram missa na igreja com capacidade reduzida e a imagem percorreu as ruas em carro aberto. Uma das únicas tradições mantidas foi a passagem do santo pelo Mercado Municipal do distrito
Moradores assistiram missa na igreja com capacidade reduzida e a imagem percorreu as ruas em carro aberto. Uma das únicas tradições mantidas foi a passagem do santo pelo Mercado Municipal do distrito |Irene Almeida
 

Por volta das 8h, a imagem do santo foi levada em carro aberto em uma carreata pelas ruas do distrito, saindo da Igreja de Nossa Senhora de Fátima, no bairro da Agulha, onde estava desde a véspera. O percurso foi acompanhado por fiéis em bicicleta e motocicletas. O ponto alto ocorreu em frente ao Mercado Municipal de Icoaraci, onde tradicionalmente o santo é homenageado pelos feirantes e comerciantes locais. “Há quase 100 anos, São João Batista é reverenciado nesse local, no começo como padroeiro da Vila de São João como era chamada antes a Vila de Icoaraci”, conta o pároco.

FEIRA

No local, a imagem foi recebida com fogos e aplausos pelos trabalhadores, antes de ser retirada do carro e percorrer por alguns instantes a parte interna do mercado. “Todos os anos esse momento é de muita festa, mas infelizmente por conta da pandemia este ano não teremos a celebração. Mas estou muito feliz que ele possa ter vindo até aqui abençoar a todos os trabalhadores”, comentou a feirante Maria da Conceição Campos, que há mais de 50 anos trabalha na feira e pela primeira vez teve a oportunidade de carregar a imagem durante o trajeto. “Foi uma emoção muito grande. Fiquei muito feliz, porque eu nem imaginava”, completou ela, que é devota de São João Batista e Nossa Senhora de Nazaré.

Após a procissão de cerca de sete quilômetros e meio, a imagem retornou para a Igreja de Nossa Senhora de Fátima, de onde saiu à noite para mais uma carreata. Desta vez rumo a Igreja de São João Batista, onde houve uma missa solene celebrada pelo arcebispo de Belém, D. Alberto Taveira, com a participação restritiva de fiéis, a partir de senhas que foram distribuídas de forma antecipada. Padre Agostinho explica que a festividades de São João Batista foi iniciada no último dia 15. “Tivemos missas presenciais com um número restrito de participantes, além de leilões virtuais, prendas, lives de cantores católicos daqui, além de carreatas”, conta.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS