Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
25°
cotação atual R$

Notícias / Notícias Pará

COVID-19

Governo do Pará entrega a hospitais mais de 150 mil comprimidos de azitromicina e hidroxicloroquina

terça-feira, 07/04/2020, 13:36 - Atualizado em 07/04/2020, 14:10 - Autor: Diário Online


Os medicamentos são destinados a hospitais públicos e particulares capacitados para atender pacientes com covid-19.
Os medicamentos são destinados a hospitais públicos e particulares capacitados para atender pacientes com covid-19. | Reprodução/Facebook

Os hospitais da rede pública e privada do Pará, com capacidade de atender pacientes de covid-19, começarão a receber nesta terça-feira (07), comprimidos de azitromicina e hidroxicloroquina para tratamento nos pacientes.

De acordo com informações do governador do Pará, Helder Barbalho, os medicamentos devem utilizados somente em nível hospitalar e segundo critérios médicos. Ao todo, serão distribuídos 74,9 mil comprimidos de azitromicina (500mg) e 90,7 mil comprimidos de hidroxicloroquina (400mg).

"Nós tomamos a iniciativa de adquirir esses medicamentos que tem demonstrado bastante eficácia por todo o Brasil e também pelo mundo, para assegurar o abastecimento da nossa rede hospitalar. É fundamental que a rede esteja preparada. Neste primeiro momento de enfrentamento ao coronavírus, essa aquisição representa seguramente um abastecimento adequado", disse o governador Helder Barbalho.

 "Nós estaremos distribuindo os tratamentos não apenas para os hospitais e unidades estaduais, mas também colaborando com as unidades privadas e com os municípios para que toda a nossa população, no caso de necessidade do tratamento, possa ter acesso a estes medicamentos", completou.

O estado do Pará registrou a quinta vítima fatal de Covid-19, na noite desta segunda-feira (6). De acordo com a Secretaria de Estado de Saúde Pública do Pará (Sespa), até a noite de ontem, o Pará tinha 123 casos confirmados de coronavírus.  

Na segunda-feira, o governador Helder Barbalho também anunciou medidas mais rigorosas no combate ao coronavírus no Pará

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS