Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
30°
cotação atual R$

Notícias / Notícias Pará

ECONOMIA

Governo do Pará lança linhas de crédito para micro e pequenos empreendedores afetados pelo coronavírus

terça-feira, 24/03/2020, 22:28 - Atualizado em 24/03/2020, 23:20 - Autor: Julyanne Forte


| Bruno Cecim / Ag.Pará

Durante um ao vivo feito pelo governador do estado do Pará, Hélder Barbalho, na tarde desta terça-feira (24), três linhas de crédito para micro e pequenos empreendedores foram anunciadas. O objetivo é diminuir o impacto que a pandemia do Covid-19 poderá causar na economia do Estado.

Leia também:

Frase de Helder em defesa do Pará é bem recebida pela internet
Governo anuncia mais medidas de contenção do coronavírus

O primeiro programa, chamado de "Fundo Esperança", está em vigor desde a segunda-feira (23) e contempla um recursos de até R$15 mil às pessoas físicas e jurídicas, sejam microempreendedor individual, microempresa e empresa de pequeno porte. Com garantia de juros de 0,2% ao mês, além do prazo de 36 meses para efetuar o pagamento e carência de 90 dias para pagar a primeira parcela. Para se inscrever basta acessar o site.

A segunda ação é destinada aos empresários que terão dificuldade para cumprir a folha de pagamento. Segundo o governador, o intuito é evitar demissões durante o período de isolamento do coronavírus. Esse fundo ofertará crédito de até R$ 50 mil em capital de giro, com juros de 1% ao mês e carência de 60 dias para o pagamento da primeira parcela. Assim como o Fundo Esperança, o microempreendedor terá 36 meses para fazer o pagamento. Este recurso estará disponível a partir da próxima quinta-feira (26), no Banco do Estado do Pará (Banpará). 

Prestadores de serviço do estado também poderão usufruir de créditos. Àqueles que possuem um contrato vigente, poderão antecipar até 50% do valor a ser recebido até o término do contrato com o governo. Esta operação de crédito também poderá ser feita no Banpará, a partir da quinta-feira (26).

Além dessas ações, Hélder também reforçou o decreto que suspende o corte de luz e água pelos próximos 30 dias em todo o estado. O governador também acentuou a redução do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) de 17% para 3% em produtos como o álcool gel e líquido, água sanitária e outros produtos essenciais no combate ao Covid-19. Produtos como sabão em pó, em barra e líquido foram incorporados às cestas básicas e também anunciados durante a transmissão ao vivo.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS