Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
30°
cotação atual R$

Notícias / Notícias Pará

SAÚDE EM ALERTA

Coronavírus: Prefeitura não dá estrutura para profissionais do PSM em Belém

segunda-feira, 23/03/2020, 13:21 - Atualizado em 23/03/2020, 13:21 - Autor: Diário Online


Profissionais da saúde voltam a denunciar falta de  falta de máscaras e álcool em gel em Pronto Socorro Municipal de Belém.
Profissionais da saúde voltam a denunciar falta de falta de máscaras e álcool em gel em Pronto Socorro Municipal de Belém. | Reprodução

Profissionais da saúde que atuam no Pronto Socorro Municipal Mário Pinotti, localizado no bairro do Umarizal, em Belém, continuam sendo colocados em risco pela Prefeitura de Belém. Eles voltaram a procurar o DOL, para denunciar a falta de estrutura e materiais básicos em meio a pandemia do novo coronavírus.

Pará registra 5° caso de coronavírus

A funcionária pública que atua há mais de 17 anos na unidade e pediu para ter a identidade preservada por medo de retaliações, diz que os profissionais estão vivendo momentos de desespero por falta de máscaras, álcool em gel e até mesmo água na unidade de saúde.

“Tentei entrar em contato com o Coren para fazer a denúncia, mas ninguém atende. Não temos álcool em gel suficiente, estão disponibilizando apenas uma garrafa por setor. Se você passar pela frente verá nossos maqueiros sem equipamento de proteção individual para atendimento. Também está tendo falta de água e estão mandando lavarmos as mãos com água destilada. Pedimos socorro”, clama a funcionária. 

Há três dias, o DOL denunciou a vulnerabilidade e a escassez de materiais para os funcionários do Pronto Socorro Municipal. 

Enfermeiro relata falta de máscaras e álcool em gel para profissionais do Pronto Socorro  em Belém

O DOL voltou a procurar a Prefeitura de Belém e aguarda um posicionamento em relação as denúncias. 

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS