Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
30°
cotação atual R$

Notícias / Notícias Pará

OLHO NO LANCE

Leilão da Receita Federal em Belém tem iPhone e câmeras a preços baratos

domingo, 05/01/2020, 10:38 - Atualizado em 05/01/2020, 10:35 - Autor: Com redação e Techtudo


| Divulgação

A Comissão Regional de Licitação da 2ª Região Fiscal realizará, no dia 14 de janeiro, pregão eletrônico que disponibilizará, para pessoas físicas e jurídicas, 154 lotes de mercadorias apreendidas pelo órgão.

Entre os produtos leiloados estão veículos, aparelhos celulares, notebooks, utensílios domésticos, máquinas fotográficas e vestuários são destaques do leilão eletrônico.

Dentre as mercadorias estão disponíveis para pessoa física aqueles que contam com modelos de Apple Watch, iPhone X, Xiaomi Mi 9, entre outros produtos para uso pessoal.

Para a pessoa física, os lotes podem começar em R$ 120, com uma Mi Box, dispositivo para televisores da Xiaomi que rivaliza com Apple TV. Já o lote 42, por exemplo, tem o lance inicial de R$ 800 para um iPhone X de 64 GB, aparelho que é encontrado no Compare TechTudo a partir de R$ 4.168,88. Um dos lotes mais curiosos traz 145 impressoras a laser modelo HP M127fn, pelo lance mínimo de R$ 25 mil, para pessoa física ou jurídica.

A lista completa das mercadorias e o Edital do Leilão encontram-se disponíveis para consulta no site da Receita Federal, www.receita.economia.gov.br.

O site da Receita também oferece o “Manual do Licitante”, com todas as orientações para os interessados participarem dos leilões disponíveis. Com a realização do leilão na forma eletrônica, a localização geográfica do interessado deixa de ser uma barreira, pois a apresentação das propostas podem ser feitas de qualquer lugar do país. Podem participar do leilão eletrônico apenas as pessoas físicas ou jurídicas que utilizem a tecnologia de Certificação Digital.

A participação das pessoas físicas é restrita a lotes específicos do leilão, conforme estabelecido no edital. Os bens arrematados por pessoas físicas somente poderão ser destinados a seu uso ou consumo, sendo vedada a comercialização. As mercadorias estão distribuídas em diversas unidades da Receita Federal que contribuíram para a realização do leilão.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS