Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
29°
cotação atual R$

Notícias / Notícias Pará

SAÚDE

Estilo de vida saudável ajuda na prevenção do câncer

segunda-feira, 02/12/2019, 08:37 - Atualizado em 02/12/2019, 10:00 - Autor: Tiago Furtado/Diário do Pará


Rosana destaca também a importância da realização de exames.
Rosana destaca também a importância da realização de exames. | Divulgação

Dados do Instituto Nacional do Câncer (Inca) apontam que devem ser diagnosticados no Brasil em todo o ano de 2019 59.700 novos casos de câncer de mama e 68.000 de câncer próstata. A prevenção ao câncer requer uma série de cuidados e um estilo de vida saudável que possa evitar a exposição aos fatores de risco.

De acordo com a oncologista clínica Rosana Dias Coelho de Mattos, do Centro Integrado de Oncologia (CION), a pratica de atividades físicas e o consumo de alimentos saudáveis de forma regular diminuem o risco de surgimento do câncer e outros tipos de doenças.

“Além disso deve-se evitar o abuso de álcool e o tabagismo. Somando-se a isso encontram-se os fatores psicológicos e a espiritualidade que certamente possuem um papel importante através da melhora da imunidade e, desta maneira, podem diminuir a chance do surgimento de uma neoplasia e outras doenças”, afirma.

O câncer de próstata e mama não são comuns em pessoas mais novas, porém, Rosana afirma que fatores de risco podem facilitar o surgimento destas doenças. “No caso do câncer de próstata, a partir dos 45 já é considerada uma idade de risco. No câncer de mama a partir dos 40 deve-se ter uma atenção redobrada. Além da idade é preciso levar em consideração os fatores de risco que são: histórico familiar, má alimentação, sedentarismo, sobrepeso, tabagismo, consumo excessivo de bebidas alcoólicas, grandes tensões emocionais, depressão e sono irregular”, complementa.

EXAMES

Por se tratar de doenças “silenciosas”, os dois tipos de cânceres costumam não apresentar sintomas em sua fase inicial. Por esse motivo é fundamental a realização de exames periódicos. “As mulheres a partir dos 40 anos devem realizar anualmente a mamografia, que é um exame capaz de detectar a presença de tumores e nódulos.

Além disso, é de extrema importância o autoexame, que a própria mulher pode realizar. Já no caso dos homens, com a próstata, devem realizar o PSA, um exame de sangue feito em laboratório a cada 2 anos e, caso necessário, o toque retal. É preciso desmistificar a visita ao urologista e acabar com o preconceito. O homem deve se cuidar”,esclarece. Quanto mais cedo o diagnóstico, maiores são as chances de cura.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS